LIGA DAS MÃES: O QUE FAZER NAS FÉRIAS?!?

21 de julho de 2015

WhatsAppFacebookTwitterPinterestGoogle+Email
Criançada de Férias, mamães e papais trabalhando… E agora? Eles ficam eufóricos com as férias, mas a verdade é que eles querem se divertir, portanto cabe aos pais (na maioria das vezes, às mães) inventar o que fazer, nestes próximos dias. Pensando nisso, convidei a Mila Miranda, do Blog Mundo da Mãe, para falar de Fériasssssss! E ela teve várias idéias bacanas. INSPIREM-SE:
“Olá mamães, tudo bem??
 As férias escolares chegaram! E férias sempre bagunça toda a rotina de casa né?!Rsrsrssr
 Eu costumo dizer que é uma ótima oportunidade para darmos uma pausa em alguns compromissos e aproveitarmos os nossos filhotes! Porque na correria do dia a dia nem sempre conseguimos brincar e aproveitar os filhotes como queremos.
Ás vezes saio tão tarde do escritório (a Mila é advogada) que chego em casa, Sofia já esta dormindo, ou pronta para dormir, só esperando a mamãe para coloca-la na cama! Só dá tempo de uma historinha e vários chamegos!
Mas durante as férias temos que fazer uma reprogramação da rotina, sermos criativas e inventar programa com a criançada. Pensando nisso separei algumas dicas de brincadeiras em casa, pq sei que tem algumas mamães passando pelo mesmo que eu! Rsrsrs
1)     Brincar de casinha/cabana:
Criança adora brincar de casinha ou cabana. Pegue alguns objetos como lençol, travesseiros, almofadas, cobertas, colchonetes, bonecas, livros, lanternas e qualquer outro brinquedo que seu filho goste. O lençol você pode jogar em cima da mesa de jantar ou prender em algum lugar. Uma vez prendi um lençol no dossel e fez super sucesso por aqui!
Dá para contar histórias, encenando inclusive um lobo mão de fora (tarefa do papai), brincar com as sombras da lanterna e até fazer um lanche na casinha!
Use e abuse da imaginação!

2)     Cinema em casa:
Jogue almofadas pelo chão, feche a cortina, pegue a pipoca e aumente o volume do som da TV, para dar mais clima de cinema e curta um filminho com o filhote, num local quentinho e aconchegante.
Dependendo da idade do filho dá para chamar os amiguinhos para participarem e  depois do filme, pedir para desenharem o personagem ou a parte que mais gostaram do filme. Uma brincadeira ótima para estimular a memória da criança.
3)     Cuidar da plantinha:
Dar uma plantinha para seu filho cuidar, desenvolve a responsabilidade, o respeito a natureza, a atenção e a coordenação motora!
Uma ótima opção é aquele pezinho de feijão que plantamos no algodão, vcs lembram disso?? #EpocaDeEscola
Com o pezinho de feijão, a criança observa a planta brotando e crescendo, tem muito mais efeito e sentido do que a plantinha comprada. Olhem como é fácil fazer:
Você vai precisar de:
– um copinho;
– uma bolinha de algodão esterilizada para forrar o fundo do copinho em que será plantado;
– um grão de feijão;
– água.
Observações: Nos primeiros dois ou três dias é normal que nada a aconteça apenas uma mudança na cor do algodão; Na próxima fase o feijão fica enrugada e depois ele germina, então e começa a etapa que desperta a atenção das crianças; Para que tudo ocorra bem o algodão não pode ficar seco e não pode tomar muito sol ; Quando o pezinho de feijão atingir cerca de 20 cm, em razão da falta de nutrientes, é necessário retirar do recipiente e plantar em um vaso ou jardim.
Para as crianças maiores, vale a pena tentar fazer uma hortinha. Existem vários brinquedos de Kit jardinagem em que é possível fazer uma pequena horta em casa e seu filho cuidar!
4)     Baú de fantasias:
Coloque em um baú, caixa ou balde, roupas, chapéus, óculos e outros acessórios que achar divertido e deixe a criançada soltar a imaginação e fazer a sua fantasia!!!  As crianças adoram se fantasiar!!! Passam horas montando e desmontando as fantasias.
#Dica: Sabe aquelas fraldas de pano que quase não se usa (a não ser na fase de bebe) ?? São ótimas para fazer capas de super heróis e capas de princesas!
5)     Corrente de histórias:
Essa brincadeira é ótima para estimular a memória e a criatividade. Comece com a frase “era uma vez…” e deixe a criançada inventar a sua história! Se tiver mais crianças, peça para cada uma fazer uma parte da história, começando da onde o outro parou.
6)     Massinhas:
São ótimas para distrair a criançada! Nunca vi uma criança que não goste de massinhas e atinge várias idades! Que tal vc preparar a massinha com seus filho?

A receita é bem simples:

Você vai precisar de:
4 xícaras de farinha de trigo
1 xícara de sal
1 e 1/2 xícara de água
1 colher de chá de óleo
corante
Preparo: Numa tigela grande, misturar todos os ingredientes e amassar bem até ficar boa para modelar. Guardar em saco plástico ou vidro bem tampado. Para dar cor a massinha, compre corante para alimento e pingue algumas gotas.
Não se esqueçam das brincadeiras tradicionais, tais como, siga o mestre, esconde-esconde, caça ao tesouros, amarelinha e outros.
Para quem quiser fazer programas fora de casa, fique atento na agenda da sua cidade, aqui em Cuiabá a agenda cultural infantil você encontra no site www.ninhoinfantil.com.br

Gostaram das idéias???

Para ver todos os posts da LIGA DAS MÃES, acesse (aqui), toda terça tem novidades, posts convidados, receitas… Fiquem ligadinhas!

Bjo bjo bjo!



VOCÊ PODERÁ GOSTAR…

LIGA DAS MÃES: O MÉTODO KUMON

26 de maio de 2015

WhatsAppFacebookTwitterPinterestGoogle+Email

 

Estreando hoje categoria nova no blog, a LIGA DAS MÃES, que todas as terças trará matérias relacionadas à maternidade! O nome é “Liga”, porque não falarei apenas na primeira pessoa, como de costume, pois terei convidadas, postando receitas, dicas interessantes, livros, brincadeiras e tudo o que concerne o universo familiar, e os pormenores da criação dos nossos pequenos. Eu sempre li muito a respeito, porque queria acertar! Agradeço profundamente à criação que meus pais me deram, e aos livros do Içami Tiba, que é meu ícone-mor nesse assunto. Tenho em casa um par de presentes de Deus: João & Maria, ou JL e Dudinha. A Maria Eduarda tem 11 anos e o João Lucas 5.
Hoje vou falar do método Kumon, e do impacto que ele tem causado na vida dos meus filhos. Não sou pedagoga, estou falando das minhas experiências como mãe, e como tem dado certo aqui em casa, eu não poderia deixar de dividir com vocês. Não tenho descontos especiais, nem parceria com a escola de Kumon que meus filhos frequentam, mas os resultados têm sido tão positivos, que virei fã e divulgadora.
O MÉTODO: O Kumon é uma metodologia que visa incentivar na criança a autonomia nos estudos, buscando fortalecer o potencial de aprendizado de cada um. Por meio de um processo de aprendizagem planejado e individualizado, o aluno se torna confiante e capaz de enfrentar sozinho o desafio da conquista do conhecimento.
Criado por um professor de matemática e pai, preocupado com o processo de aprendizagem do filho, o método Kumon estimula o aluno a gostar de aprender e a se sentir seguro no processo.
A grande inovação do método Kumon está no fato de não se ensinar ao aluno como resolver o material proposto. Ele é estruturado de forma a fazer com que o aluno solucione os exercícios sozinho.
O Método contempla desde crianças, em fase pré-escolar, até adultos, sem limites de idade! Os exercícios e metas são individuais, e vão mudando conforme a evolução do aluno.
NOSSA EXPERIÊNCIA: A Duda faz Kumon de Português e Matemática, já há 2 anos, percebemos que ela começou com continhas simples, textos bem básicos, e foi evoluindo com o passar do tempo. Ela aprendeu a medir o tempo, se organizar, correr atrás de suas metas. Hoje ela já passou do nível escolar, aprendendo no Kumon matérias que nem viu na escola, ainda. O Método ajudou para que ela aprendesse a estudar, fez com que seu raciocínio matemático praticamente se tornasse automático, e ampliou muito o vocabulário. Ela é uma leitora voraz, já leu grande parte dos livros indicados à sua faixa etária, e hoje lê os mesmos livros que eu! Outro dia, ela chegou em casa com Crime e Castigo de Fyodor Dostoevsky, que pegou emprestado na Biblioteca do Kumon… Fiquei de queixo caído, e muito feliz com o desenvolvimento dela.
O João faz Kumon há 6 meses, começou porque estava com dificuldade de se concentrar na sala de aula. Como ele só tem 5 anos, resolvemos matriculá-lo primeiro em Matemática, pois são 60 minutos de aula, para testar como seria a aceitação. Estou impressionada como ele fica quietinho na aula, concentrado nas tarefinhas. Em casa também, ele senta para fazer tarefa, e faz tudo sozinho, só pede auxílio para ver o horário, na hora de marcar o tempo de cada tarefa. Em breve vamos colocá-lo no Português também.
Bem, é isso! Estamos muito felizes com os resultados, e esse investimento entrou na nossa lista de prioridades. A Rede é mundial, tendo unidades em muitos países, para ver onde tem um unidade perto de você, acesse o site oficial do Kumon (aqui). Os meus filhos fazem na Unidade 3 de Cuiabá, na Av. São Sebastião, esquina com Av. Floriano Peixoto, a Coordenadora se chama Ana, e o telefone é o (65) 3623-7475. Mas para se ter idéia, em Cuiabrasa (e Várzea-Grande) existem 13 escolas.
Espero que vocês tenham gostado da nova categoria, e vem muita coisa bacana por aí!
Bjo bjo bjo!


VOCÊ PODERÁ GOSTAR…

INSTAGRAM

@MAYSALEAO