CARNAVAL NO RIO: TUDO SOBRE OS BLOCOS DE RUA

6 de março de 2017

WhatsAppFacebookTwitterPinterestGoogle+Email

Há muito tempo que eu “namoro” os blocos de rua do Rio de Janeiro… Talvez porque eu ame carnaval, especialmente o samba, as marchinhas, e tudo o que envolve o carnaval na essência da raiz brasileira. Faltava um empurrão para sair daqui no carnaval, deixar os pequenos e ir curtir. Eis que meu empurrão foi minha amiga Alessandra, que estava doida para viajar, liguei na @cvc_vg que conseguiu montar um pacote de última hora com valor aceitável (planeje! Jamais compre de última hora, você economiza demais planejando) e fui! Como eu já esperava, ameeeeei!

Lia muito os posts da Carla Lemos do Modices, e já tinha uma boa noção de como a coisa fluia (lado bom da internet). Mas vamos ao que descobri, vivendo a rotina de carnaval de rua no Rio: Primeira coisa, baixe o aplicativo: Blocos Rio, porque com ele você saberá horários, locais de concentração, estimativa de público, estilo do bloco, etc. Através do app, também é possível criar uma agenda, e ele emitirá um alerta, cerca de 30 minutos antes de cada bloco agendado. Em relação ao horário de início, infelizmente o padrão é “Brasil sem regra”, ou seja, atrasos de 2 horas em relação ao início originalmente anunciado. Os blocos menores são mais divertidos, porque você consegue ter espaço para andar e dançar. Nos blocos maiores a muvuca é grande. INSPIREM-SE nas fantasias:

Todo mundo sai fantasiado! Homens, mulheres, crianças, jovens, idosos… Fantasia é lei!!! Os homens amam saia de tule. Isso mesmo, saia! Não necessariamente os homossexuais, mas todo e qualquer homem. Impressionante ver os barbados vestidos de saia de tule, usando asinhas de borboleta, ou arquinho de bailarina. Vai entender?!? Hahaha! O fato é que se eu fosse você, comprava uns tubinhos de glitter, umas máscaras irreverentes, uns adornos, e caia na folia com todo o empenho que o carioca tem em pular de corpo e alma o carnaval.

Roupas leves são bem vindas, porque faz muuuuito calor. Tênis ou sandálias confortáveis com alguma elevação na sola (como essa flatform que estou usando na foto acima). Se você for de rasteirinha, se prepare para ter os dedos pisoteados, e o pé ficar sempre molhado de: cerveja, lama, vodka ou água de coco, ou xixi… arghhh! Acontece de ter muita poça de sei lá o que no caminho. Por falar em xixi, tem banheiro químico, o mar, ou uma loja de Starbucks no caminho, porém como toda aglomeração, ir ao banheiro é, de fato, um desafio. Guarde um dinheirinho para comprar algo no boteco que vai lhe ceder o banheiro, ou um picolé “Itália” (tem por toda parte) na sorveteria amiga, mas lembre-se que geralmente terá que consumir algo, no estabelecimento que for lhe ceder uma vaga preciosa no banheiro.

Tem muita gente na cidade, mas as pessoas estão por toda parte, então as fotos e números dão a impressão de que estará insuportavelmente lotado, mas a sensação “in loco” é bem mais amena. Quanto à segurança, vale ser cauteloso, e embora tenha aparecido no Fantástico do domingo passado, que um garoto foi assassinado em Ipanema, e várias pessoas foram assaltadas, eu juro que não vi nenhum assalto. Valem os conselhos: Não fique com o celular dando sopa, gravando mil vídeos da multidão, tirando foto o tempo todo. Evite jóias e relógios que chamem muito a atenção. Ande com bolsinhas a tira colo, de preferência com zíper. Quando a muvuca for grande, preste atenção no celular em bolsas sem zíper, ou no bolso de calças e bermudas largas, porque eles enfiam a mão, pegam o celular e a carteira, e você no empurra-empurra, nem sente.

Fiz uma mini-lista dos blocos “imperdíveis”, para quem não sabe nem por onde começar, mas a verdade é que o que mais importa é a sua vontade de curtir a festa!

  1. Cordão da Bola Preta
  2. Banda de Ipanema
  3. Simpatia é Quase Amor
  4. Cordão do Boi Tolo
  5. Sargento Pimenta
  6. Toca Raul
  7. Bloco da Favorita
  8. Super Mario Bloco
  9. New Kids on The Bloco
  10. Bloco da Preta

O Sargento Pimenta tem sido com palco, no Aterro do Flamengo, nos últimos anos, e ele toca as músicas dos Beatles, em ritmo de marchinhas e samba. O New Kids on the bloco, tem sido no circo voador, e o ingresso dos últimos 2 anos foram 1 Kg de alimento. O Bloco da Favorita toca funk em ritmo de carnaval, arrasta multidões, e é frequentado por celebridades. O cordão da Bola Preta é um dos maiores e mais tradicionais, acontece no centro da cidade, e tem ninguém menos que, Maria Rita no elenco de cantores. Todos os blocos são gratuitos, porém, alguns estão vendendo camisetas para ajudar na manutenção do bloco, e isso dá o direito de ficar dentro do cordão onde fica a diretoria e a bateria. Se você quer espaço para dançar, adquirir a camiseta é uma boa pedida, porém são pouquíssimos os blocos com essa opção.

Gostou do post? Lembra de deixar seu like no coração do lado direito da tela. Tem algum bloco que você adora, por favor, comente! E se quiser acessar outros post de viagem do blog, clique (aqui).

 E vamos que vamos, até o próximo carnaval!

Bjo bjo bjo!



VOCÊ PODERÁ GOSTAR…

MINHA RECEITA DE SUCO DETOX

6 de março de 2017

WhatsAppFacebookTwitterPinterestGoogle+Email

Segunda é o dia nacional do “start” à dieta, portanto minha receita de suco detox ou suco verde, não poderia ser postada em melhor momento, né?! Eu já testei “N” receitas, e posso garantir que essa foi a mais refrescante. O grande segredo está em congelar a polpa verde, porque assim o suco fica muito cremoso, com uma textura que deixa o sabor mais interessante!

Separe um maço de couve, mais um punhado de hortelã, e bata com 1 litro de água de côco natural, e uma maçã verde picada em cubos. Bata no liquidificador, até os ingredientes ficarem homogêneos, é aconselhável que seu liquidificador tenha a função pulsar, para ficar mais fácil de triturar as folhas. Também é bacana bater metade da receita, para depois bater a outra metade.

Depois de pronto, jamais coe! Não é possível que você pense na possibilidade de coar do seu suco a parte mais rica que ele possui, certo? É exatamente a fibra das folhas, que você tanto precisa, para limpar seu organismo das toxinas que tento ingerimos na alimentação moderna.

Despeje o suco em forminhas de cupcake (olha que substituição interessante… Hahaha!) e leve as formas ao congelador.

Todos os dias de manhã, bata a polpa detox com água de coco, ou com algum suco (natural) à sua escolha, e tenha um organismo mais saudável para começar o dia! Eu adoro usar essa polpa, com água de côco, e uva sem semente congelada… Fica parecendo um sorvete, realmente muito gostoso! O ideal é não adoçar com nada, mas eu sei que muita gente não consegue tomar suco verde sem açúcar, então prefira adoçar com açúcar mascavo ou demerara. Se estiver muito preocupada(o) com as calorias, use adoçante do tipo xilitol, que é considerado um dos menos ruins.

Para ler as outras receitas do blog, acesse (aqui). 

Gostou do post? lembre-se de apertar o coração do lado direito do post! Tem uma receita bacana de suco verde, ou quer dar sua opinião? Comente!!! A opinião de vocês é muito importante para mim.

Bjo bjo bjo e uma semana abençoada. 



VOCÊ PODERÁ GOSTAR…

FANTASIAS CRIATIVAS PARA O CARNAVAL

23 de fevereiro de 2017

WhatsAppFacebookTwitterPinterestGoogle+Email

Eu amo carnaval, aliás, o blog nasceu mesmo em um carnaval, na era jurássica dos blogs, em que eu resolvi escrever sobre o que fazer no carnaval em Cuiabá/MT… Não foi uma tarefa fácil, porque naquela época, o carnaval aqui andava bem mortinho. Mas vamos falar de fantasias criativas, de cair na folia, de gargalhar, jogar confete para cima, de brincar carnaval. Se até aqui em MT, o carnaval vem retomando sua força de festa cultural do povo brasileiro, que dirá no Rio de Janeiro, sede oficial do carnaval.

Este ano estou indo para o Rio, não vou à Sapucaí (dessa vez), mas pretendo me jogar nos bloquinhos e blocões de rua, da cidade maravilhosa. São mais de 400, dos mais variados tamanhos e estilos. Tem um aplicativo para quem quiser saber de tudo: “Blocos Rio”, com ele você fica por dentro de horários, locais, estilos, e tudo acerca dos blocos de rua oficiais.

No quesito fantasias, os cariocas levam o negócio à sério, ou melhor, aos risos! A cidade é pura alegria, e todo mundo se veste de carnaval. Seja com fantasias compradas, ou peças customizadas, ninguém perde a oportunidade de se vestir de  fantasiar. Selecionei algumas imagens no Pinterest, para animar vocês a caírem na folia. INSPIREM-SE:

Super conselho de todos os adeptos do carnaval de rua é apostar em sapatos fechados, para evitar pisar em coisas desagradáveis com seu pézinho exposto, ou ter os dedinhos esmagados na folia. Roupas leves para enfrentar o calor escaldante, bom humor, e preparo físico para pular muito.

Grande parte das fantasias são customizações, em que os foliões pegam peças do guarda-roupa e complementam com adornos de lojas de aviamentos e artigos de festa. Sempre tem quem aposte na situação política do momento, ou em personagens que estejam na moda. Mas tem as fantasias sem tema específico, que misturam elementos coloridos, glitter, maquiagem e aquela vontade maluca de dizer: Estou aqui para curtir!

Espero ter aguçado a vontade de vocês de resgatar a brincadeira da infância! Sem medo do ridículo, porque ridículo mesmo é ficar preocupado com o que os outros vão pensar! Ridículo é ser o chato da rodada, é ficar procurando sentido naquilo que foi feito para sentir, alegrar, preencher a alma de entusiasmo. Não é aula de filosofia, é carnaval! Se jogaaaaaa!!! A vida passa rápido demais para ficar parado.

Bjo bjo bjo, e beba com moderação, se dirigir não beba, use camisinha, respeite o próximo, ajude a construir um mundo mais leve e agradável de viver!



VOCÊ PODERÁ GOSTAR…

INSTAGRAM

@MAYSALEAO