DICA DE VIAGEM: RESTAURANTE OLIVE GARDEN

22 de abril de 2015

WhatsAppFacebookTwitterPinterestGoogle+Email
Como escolher um bom restaurante quando estamos viajando? O melhor italiano dos Estados Unidos? O restaurante mais bacana de Miami? O restaurante com o melhor custo benefício em New York? E por aí vamos! Primeiro temos que pensar no quesito bolso, porque as vezes, os restaurantes que levam a fama de melhores, também são os mais caros, e nem sempre podemos pagar, certo? Ainda mais com o dólar em alta! Então eu sempre tenho a minha listinha de salvação, algumas redes de restaurantes muito bacanas, com custo x benefício digno, e que estão espalhadas por toda parte. O OLIVE GARDEN é desses restaurantes deliciosos, com preço justo, ambiente gostoso, e que estão por toda parte: Orlando, Miami, Vegas, New York, São Paulo… Então na dúvida, acesse (aqui) e procure uma unidade no seu próximo destino. A rede é ítalo-americana, tem saladas, massas, grelhados, frutos do mar, sobremesas e cafés incríveis. Você encontra também uma parte gluten free, e mais saudável no cardápio. Vale a sua visita! INSPIREM-SE:

 

Esse da foto acima, é o OLIVE GARDEN da International Drive, em Orlando. Nós fomos e todo mundo amou, o menu kids é fabuloso, por um precinho super amigo, as crianças comem verdadeiras delícias.
Espero que tenham gostado da dica, e depois me contem o que acharam!
Bjo bjo bjo!


VOCÊ PODERÁ GOSTAR…

DICAS DA DISNEY: TOP BRINQUEDOS DO MAGIC KINGDOM

9 de abril de 2015

WhatsAppFacebookTwitterPinterestGoogle+Email
Falou Disney, falou MAGIC KINGDOM! O primeiro sonho de Walt Disney, em termos de trazer a magia, para a vida real. A Disneyland (nome original do parque) nasceu em um pântano no meio da Flórida, onde só tinha vegetação, crocodilos e lama. O visionário Walt Disney enxergou a “Main Street” (rua principal), a “Fantasyland”, a “Tomorrowland”, e todas as outras áreas do parque. Ele vislumbrou o encantamento de cada criança ao entrar no castelo da Cinderela pela primeira vez… Ele sonhou que em seu território, a idade cronológica não existiria. Ele alcançou com êxito, todos os seus objetivos! Esse parque merece que você esteja com o coração aberto, e disposto a liberar a criança que existe em você! Como dizer o que é melhor, em um lugar tão perfeito quanto o Walt Disney Resort, mas a verdade é que se o tempo for curto, você terá que eleger prioridades. Estudar as atrações antes de ir é uma ótima dica, porque você otimiza tempo, e consegue ver mais coisas. Vou falar sobre meus brinquedos favoritos, no perfil familiar que eu fui: Eu + marido + Duda (filha de 11 anos) + João Lucas (filho de 5 anos), portanto se você vai só com meninas, a viagem muda, ou somente adultos, ou adolescentes…

 

SUPER DICAS: Confira se o ingresso está com vocês (muita gente esquece)! É importante levar ou alugar carrinho, se você for ao parque com crianças muito pequenas. As distâncias são grandes, e a criança logo se cansa. Uma mochila com água, bananas, bolachas, donuts (o João pirou nos donuts) ajuda muito, porque assim, vocês não precisam fazer longas paradas para comer, e aproveitam as filas para recompor a energia. A wifi do parque é excelente, e você pode inclusive baixar o Disney App, que te dá informações em tempo real sobre tempo em fila, para cada brinquedo, além de informar o brinquedo mais próximo, e te ajudar a fazer uma lista de prioridades. Logo na entrada, marque um ponto de encontro para o caso de vocês se perderem, sugiro o City Hall (local para informações, achados e perdidos), ao lado esquerdo da entrada principal (se você estiver olhando para o castelo), na Main Street (é fácil de achar, e se estiver chovendo a pessoa não se molha).  As alturas mínimas são 89cm / 97cm/ 102cm/ 112cm e 137cm, portanto antes de entrar na fila de um brinquedo, lembre-se de olhar se há restrição de altura, para não frustrar o pequenino, ou pequenina!
O MAGIC KINGDOM é dividido em 6 partes: Main Street, AdventureLand, Frontierland,  Liberty Square, Fantasyland e Tomorrowland.

 

O João, aos 5 anos, tem espírito aventureiro (medo de nada!) e com 125cm ele entrou em 98% dos brinquedos do Magic Kingdom.
(os números das atrações, são os mesmos do Mapa do parque, porém seguirei a ordem de prioridades, na minha opinião)
 
*1) Walt Disney Railroad: 
É um trem à moda antiga, que passeia da Main Street até a Fantasyland e a Frontierland. O passeio é muito legal, especialmente para os pequenos, porque o trem faz barulho, parece aquelas “Marias-fumaças” de antigamente. Eu não gosto de pegá-lo na chegada, porque acho um sonho entrar no parque a pé, pela Main Street, atravessar o castelo da Cinderela… Então no fim do dia, sempre volto até a Main Street, pelo trem.
2) City Hall: 
Um local destinado à informações, achados e perdidos… Já mostre para os pequenos, e deixe marcado como ponto de encontro do grupo. Aproveite para pegar mapas do parque (tem mapa em português), mas de qualquer forma, baixe o aplicativo, vai ajudar muito).
Na Main Street tem lojas de souvenirs, lojas de jóias da Disney, acessórios, doces, canecas, e tudo o que você sonhar. Tem uma loja que vende esculturas de cristal da Disney, e você pode conferir como são feitas, ao vivo. É muito legal! Tem Starbucks, sorveteria e outras delícias… Vale conferir tudo, no início, ou no fim, dê uma passeada.
Pelo mapa, a primeira região a ser visitada seria a Adventureland, mas eu gosto de começar pela Fantasyland, a mais infantil das regiões, porém a mais “Disney” de todas!

41) It’s a Small World:
É um passeio de barco, muuuito infantil, que retrata os diferentes países do mundo, com sua diversidade cultural. O passeio é bem devagar, bom para descansar as pernas, com uma musiquinha fofa, mas apesar de ser mega infantil, se fosse a minha primeira vez na Disney, eu não perderia!
*42) Peter Pan’s Flight:
Ok, que geralmente é uma das maiores filas, mas o passeio é uma graça, trata-se de um vôo em um barco, sobre o mundo de Peter Pan. É um brinquedo tranquilo, muito bonito, que encanta as crianças.
43) Mickey’s Phillar Magic:
É um filme 3D, portanto se estiver com crianças muito pequenas, talvez elas não entendam, nem tenha paciência para assistir. Mas se você é apaixonado pela Disney, precisa ver este filme, que passeia por vários personagens, de forma emocionante.
46) Princess FairyTale Hall:
É um lugar para encontrar as princesas (Ana, Elsa, Cinderela e Rapunzel), se você estiver com crianças apaixonadas pelas princesas, ou se você mesma for apaixonada, é encantador. Dessa vez nós pulamos esta atração, porque a Duda já tinha ido em 2013, e o João não liga muito para as princesas.
*50) Seven Dwarfs Mine Train:
É a montanha russa dos 7 anões, legal demaisssss!!! Um brinquedo muito emocionante, que mostra como era o trabalho dos 7 anões, de forma agitada, acelerada e divertida. Altura mínima 38″/97cm.
*57) The BarnStormer:
A montanha russa do Pateta, feita para os pequenos, com certeza diverte os adultos! Fomos duas vezes seguidas e o João gritava enlouquecido!!! Altura mínima 35″/89cm.
Fica ao lado da Fantasyland, é uma das minhas regiões favoritas no Magic Kingdom, tem como tema o espaço sideral e o “futuro” naquela visão meio “Jetsons”, abriga a famosa Space Mountain (a montanha russa no escuro) que todo mundo ama!
*68) Tomorrowland SpeedWay:
Simula um velódromo e você pode participar de uma eletrizante corrida de carros! É muito divertida, para adultos e crianças, porém grande parte dos pequenos, não terão altura suficiente, para dirigir o carro sozinhos. Altura mínima acompanhado de um adulto 32″/81 cm, e desacompanhado 54″/137cm.
*69) Space Mountain: 
A montaha russa mais legal do mundo!!! Ela é indor, em muitos momentos você fica no escuro, sem saber qual será o próximo movimento, é super acelerada, e apesar de não ter looping, é muito emocionante. Um verdadeiro ícone do Magic Kingdom. Altura mínima 44″/112cm.
 
70) Astro Orbiter:
Parece muito com o Dumbo, da Fantasyland, e eu nem citei, porque é um brinquedo que tem em todo parque de diversão. Aqueles elefantinhos, ou barquinhos, ou helicópteros que giram em círculo, subindo e descendo. No caso do Astro Orbiter, são naves espaciais, e achei justo citar porque lembrei que quando o João e a Duda eram bem pequenos, eles adoravam brinquedos assim.
*73) Buzz Lightyear’s Space Ranger Spin:
Esse brinquedo é muito divertido, trata-se da espaço-nave do Buzz Light year, e você tem que atirar nos alienígenas, acumulando pontos, em uma viagem divertida, girando pelo caminho. As crianças e os adultos adoram!
***75) Stitch’s Great Scape:
NÃO vá neste brinquedo! Estou falando sério!!! Brinquedo mais sem graça da face da terra, crianças pequenas choram por ficarem muito tempo no escuro, você entra em uma nave super linda, coloca um cinto daqueles de montanha russa e fica achando que a nave vai balançar, subir, descer, porém, nada acontece! O stitch “cospe” na gente, solta pum, e nada de legal acontece. Juro que não entendo esse brinquedo ainda estar lá!

FRONTIERLAND:
A sensação é de estar no Velho Oeste! A Frontierland é a região mais no fundo e à esquerda do Mapa, se você olhá-lo da Main Street para a frente. Uma das Montanhas Russas mais divertidas se localiza nessa região, a Big Thunder Mountain Railroad. A cenografia é bem interessante também.

*24) Splash Mountain:
Essa Montanha russa é muuuito divertida, porém é impossível não se molhar. E quando digo molhar, não estou exagerando, a gente sai encharcado. Portanto pode ser uma das últimas atrações, ou você pode ir seguidamente, umas 3 vezes (dependendo da fila) e trocar de roupa depois. Nesta última ida aos parques, nós não fomos porque estava bemmm frio.

25) Walt Disney Railroad:
Lembra do trem que eu falei, lá no comecinho? Ele é o número 1 no post, na Main Street. Depois que você brincar na Frontierland, pode pegá-lo e ir até a Main Street, para de lá, seguir para a Adventureland. O passeio é muuuito legal! Ele vai até a Fantasyland, se você quiser voltar em algum brinquedo, ou passear mesmo.

*27)Big Thunder Mountain Railroad:
Uma das montanhas russas mais divertidas, fomos umas 3 vezes seguidas! O João Lucas ficou doido, vibrou muito. Ela é rápida, tem uns movimentos desengonçados, e o cenário é de uma mina desativada. Fica no entorno de um lago, até a fila é bacana!

LIBERTY SQUARE:
É uma das áreas que faz menos sentido para turistas de outros países, porque funciona como uma espécie de tributo à América. Porém se você está com tempo, e é interessado em mergulhar na história dos Estados Unidos, pode ser uma experiência interessante. Já se você só tem um dia para desfrutar do Magic Kingdom, eu pularia a Liberty Square e a AdventureLand, só passando rapidinho no entorno para conhecer.

ADVENTURELAND:
A menor de todas as áreas do Magic Kingdom, é uma das que eu menos gosto, mas é claro que deve ter quem ame os Piratas de Caribe e outras atrações.

14) Swiss Family Tree House:
Nós não fomos nesta atração, porque é uma casa na árvore, você tem que subir a pé, é muito interessante, porém um passeio cansativo, e como estava garoando e frio, resolvemos pular. Mas quando estivemos na Eurodisney, fomos e a Duda adorou.

15) The Magic Carpets of Aladdin:
No estilo do Dumbo e do Astro Orbiter, porém um pouco mais divertido. A famíla toda pode “voar” no tapete do Aladdin. O brinquedo é muito bonito, gira, sobe e desce, um paraíso para os pequeninos.

No fim do dia, fimmm mesmo, porque o Magic Kingdom normalmente fecha meia noite, ou uma da manhã! Dá para aproveitar muito, e terminar a noite na Main Street, assistindo a Parada Noturna, que é maravilhosa! Você pode jantar em um dos restaurantes, tomar um sorvete, ou um Starbucks, para dar energia. A sensação, no fim de tudo, é de ter realizado um sonho incrível! Eu tenho certeza que me sentirei assim, mesmo quando eu estiver lá com meus netos, por volta dos 80! Hahaha!!! Walt Disney me conquistou, pretendo voltar muitas vezes, se Deus me permitir.

Para saber tudo sobre o MAGIC KINGDOM, acesse o site oficial (aqui).

Obs1:Lembre-se que os ingressos da Disney normalmente não tem data, mas depois de usado pela primeira vez, deve ser usado integralmente em até 14 dias após a primeira usada. Portanto se você vai passar 20 dias em Orlando, e comprou um ingresso de 3 dias, tem que usar o segundo e o terceiro dia, antes de completar 14 dias que você utilizou o primeiro.

Obs2: Os parques ficam em Lake Buena Vista, há cerca de 30 minutos do centro de Orlando. A maior parte dos hotéis tem transfers (ônibus) gratuitos para ir aos parques, porém é bacana ficar atento aos horários.

Obs3: Um parque é longe do outro, não dá para ir a pé, e mesmo pegando o trem, ou os barcos, perde-se muito tempo neste deslocamento. Conheça um parque por dia, mais que isso, fica muito complicado. Alguns parques como o Magic Kingdom e o Epcot, por exemplo, merecem até mais de um dia.

Obs4: Cuidado com ingressos falsos! Se estiver muito barato, em algum site, desconfie!!! É melhor comprar com antecedência, e eu como sou medrosa, sempre compro no site oficial. Alguns Hotéis vendem os ingressos no Lobby, e podem rolar combos interessantes para quem vai ficar vários dias.

Obs5: Tudo que tiver com *, é porque se trata de uma atração imperdível! E não se chateiem porque não marquei o Carrossel ou o Dumbo, por exemplo. Tentei evitar brinquedos comuns, que podemos experimentar em outros lugares. Mas o ideal mesmo, era se pudéssemos ir em todos, menos no Stitch… Afff! Ô brinquedinho chato de doer!

Bem, é isso, espero ter ajudado! Para ler todos os posts sobre Orlando, acesse (aqui).

Bjo bjo bjo!



VOCÊ PODERÁ GOSTAR…

DICA DE VIAGEM: Os Parques de Orlando

27 de março de 2015

WhatsAppFacebookTwitterPinterestGoogle+Email
Que sonho mais lindo ir para a DISNEY, conhecer a magia de Orlando… Eu tive o privilégio de ir algumas vezes, com idades diferentes, e sempre me deslumbro! É muito emocionante, e até coração de pedra derrete!!! Mas você sabia que nem só de Disney vive Orlando? Existe uma infinidade de parques e atrações na cidade, e se você tiver tempo, vale muito a pena conhecê-los. Vou fazer uma breve explicação sobre os mais famosos, e quem sabe assim, ajudo vocês a se decidirem. Depois vou falar com detalhes, sobre os parques que visitamos neste mês, para que vocês não percam tempo e aproveitem melhor o dia. Aliás, estudar os parques antes, é a melhor dica, porque na hora, ficamos perdidos com tanta atração.
COMPLEXO DISNEY:
A Disney de Orlando tem 4 parques temáticos: Magic Kingdom, Epcot, Disney’s Hollywood Studios e Disney’s Animal Kingdom. Além dos 4 temáticos, existem 2 parques aquáticos: Disney’s Typhoon Lagoon e Disney’s Blizzard Beach. Todos são lindos, encantadores, mágicos, incríveis! Mas o mais emblemático de todos é o Magic Kingdom. Já os parques aquáticos, dependem muito das condições climáticas, portanto é mais interessante comprar os ingressos dos dois, nos dias em que se pretende visita-los. Vamos aos detalhes:
Quando alguém fala: “Vou para Disney”, Magic Kingdom vem à mente! É o que se chama de porta de entrada, do mundo de Walt Disney. O parque foi fundado em 1971, e é realização dos ousados sonhos de Walt Disney. Um ícone do parque é o Castelo da Cinderela, que se localiza no fim da Main Street e está exatamente no meio do parque. Eu começaria o sonho por ele, se nunca tivesse ido à Disney, porque como diz seu slogan: “The happiest place on Earth”, ele é o lugar mais feliz da terra! Um aviso aos navegantes, o parque é mais infantil, mais lúdico, portanto não tem grandes montanhas russas, nem brinquedos muito radicais. Mas o conselho, é: Compre um boné do Mickey, ou um chapéu do Pateta, entre no clima, passeie pelas ruas encantadas, tire muitas fotos, curta os brinquedos com olhos de criança, encante-se com as expressões dos pequeninos! Atrações Imperdíveis: Space Mountain, Buzz Lightyear’s Space Ranger Spin, Big Thunder Montain Railroad, Splash Mountain, Seven Dwarfs Mine Train, Peter Pan’s Flight, It’s a Small World, Cinderella Casttle, The BarnStomer… Farei um post mais detalhado, sobre o parque. Site Oficial (aqui).

DISNEY’S HOLLYWOOD STUDIOS:

Meu parque favorito do complexo Disney, antigamente conhecido por MGM’s Studios,  é pequeno, fácil de percorrer, mas talvez pelo reduzido número de atrações, tende a ter filas significativas. Algumas atrações tem horários, como o Show da Bela e a Fera (lindoooooo!), Indiana Jones, e outros, portanto vale a pena, olhar os horários no mapa e fazer um pequeno planejamento, pois corre-se o risco de perder várias atrações bacanas. O Hollywood Studios é muito lindo, uma verdadeira viagem aos filmes Disney, e um cenário lindo para fotos. Um dos símbolos do Parque, uma gigantesca caixa d’água no formato do chapéu do Mickey no filme Fantasia, foi desmontado, neste março de 2015, frustrando visitantes. Fazendo um comparativo, seria a mesma tristeza de desmontarem o Castelo da Cinderela do Magic Kingdom… Vai entender!?! Veremos o que construirão no lugar. Atrações Imperdíveis: Beauty and the Beast – Live on Stage, Rock’n Roaller Coaster Starring Aerosmith, Twilight Zone Tower of Terror, Fantasmic (o último show do parque, o mais lindo que já vi na vida), Lights, Motors, Action! Extreme Stant Show, Toy Story Mania, The Great Movie Ride, Star Tours, Indiana Jones Epic Stunt Spectacular. Site Oficial (aqui).

 EPCOT:

O Epcot, antigo Epcot Center é o maior de todos os parques (quando nos referimos à área circulante, porque o Animal Kingdom é o maior, porém grande parte das áreas são destinadas apenas aos animais, que precisam de espaço para viver). A palavra Epcot, significa “Experimental Prototype of Community of Tomorrow” (“Protótipo Experimental da Comunidade do Amanhã”), foi o segundo parque do complexo, inaugurado em 1982. O tema é o futuro! O parque é lindoooo, tem uma parte temática dedicada à vários países do mundo, os jardins são incríveis. Atrações Imperdíveis: Mission Space, Soarin, Spaceship Earth, Test Track, Innoventions, The Seas with Nemo and Friends. Site Oficial (aqui).

DISNEY’S ANIMAL KINGDOM:

O Disney’s Animal Kingdom é 5 vezes maior que o Magic Kingdom, tem mais de 1700 animais, com uma flora riquíssima no entorno. A sensação é de estar realmente em uma floresta. O parque foi elaborado com aquele rigoroso carinho Disney, pensando nos mínimos detalhes, e a criançada fica extremamente feliz, em ver os animais em ambientes muito semelhantes aos seus habitats naturais. Atrações Imperdíveis: Kilimanjaro Safari, Expedition Everest, Maharajah Jungle Treck, Chester and Hester’s Dino Rama, Dino Sue, It’s Tough to be a Bug, The Tree of Light, Wildlife Express Train.

DISNEY’S TYPHOON LAGOON:

Esse parque aquático é ambientado em um pequeno vilarejo que foi destruído por uma tempestade e transformado em “ruínas”, onde um grande barco (símbolo do parque), o Miss Tilly, encalhou. O parque é lindíssimo, tem uma área de parquinho incrível destinada aos pequeninos, é considerado um dos maiores parques aquáticos do mundo! Atrações Imperdíveis: Crush ‘n’ Gusher, Castaway Creek, Surf Pool, Gang Plank Falls, Storm Slides. Site Oficial (aqui).

DISNEY’S BLIZZARD BEACH:

É muito engraçado ver este parque, porque ele é ambientado em uma imaginária estação de esqui, com neve por todo lado. Mas a verdade é que os projetistas Disney são muito criativos, e mesmo com o Sol fervendo, você pode se divertir em um parque aquático “congelado”. Reza a lenda que em uma nevasca atípica na Florida, surgiu uma estação de esqui, que logo derreteu, e portanto seria desativada. Mas um Jacaré foi visto tomando banho na neve derretida e se divertindo por ali. Tão logo ele se tornou o mascote do parque, conhecido por “Ice Gator”, e despertou nos projetistas da Disney, a criação deste lindo parque, com suas atrações incríveis. O Disney’s Blizzard Beach foi inaugurado em 1995, o último parque a ficar pronto no complexo Disney. Atrações Imperdíveis:Summit Plummet, Ski Patrol Trainning Camp, Teamboat Springs, Toboggan Racers, Slush Gusher, Snow Storms.  Site Oficial (aqui).
A Universal é meu xodó! São meus parques favoritos: Universal Studios e Island of Adventure,  e o complexo ainda tem os resorts, a City Walk, e o parque aquático Wet’n Wild. A City Walk é uma verdadeira cidade, que funciona em anexo à entrada dos parques, com lojas, restaurantes, baladas, mini-golf, etc. Ela funciona até de madrugada, e você se diverte só de bater perna por lá.
Este parque é o meu favorito de todos! Ganha até do Hollywood Studios da Disney, mesmo partindo do pressuposto que na verdade, cada parque tem a sua particularidade, e havendo possibilidade, todos merecem uma visita. O legal do Universal Studios é que ele tem brinquedos ultra-radicais para os adultos, e super lúdicos para as crianças. O simulador dos Minions marcou a vida do João Lucas, meu caçula (de 5 anos), os olhos dele brilham, só de falar. Além dos brinquedos serem muito bacanas, o parque em si é muito bonito, as ruas são verdadeiros cenários de filme, e você pode se sentir passeando em San Francisco, Hollywood (Los Angeles), New York. Tem muitos brinquedos legais, é grande, porém fácil de se localizar. Atrações imperdíveis:  Despicable Me Minions Mayhem, Transformer’s the Ride 3D, Hollywood Rip Ride Rock It, Revenge of the Mummy, Disarter, ET Adventure, Harry Potter and the Escape From Gringotts, The Simpson’s Ride, Men in Black Alien Attack. Site Oficial (aqui).

 ISLAND OF TREASURE:

O mais radical dos parques da Universal, o Island of Treasure, é famoso por suas montanhas russas (rides). Todo mundo que te relatar sobre este parque, vai ficar “esbaforido”, de coração acelerado só de lembrar! A tendência é a pessoa começar a dizer: Vai no Hulk, na Dragon Challenge do Harry Potter, no simulador do Harry Potter também, mas o melhor de todos é o Spider Man… É realmente um parque de muitas emoções, muitas delas bem radicais. Crianças muito pequenas podem ficar meio chateadas, pois não terão altura para grande parte dos brinquedos. Atrações Imperdíveis: The Amazing Adventures of Spider Man, The incredible Hulk Coaster, Doctor Doom’s Fear Fall, Harry Potter and the Forbidden Journey, Dragon Challenge, Jurrasic Park Discovery Center, e se você estiver com crianças pequenas, todos os brinquedos da Seuss Land. Site Oficial (aqui).
Obs Importante: Ao comprar ingressos para Universal Studios e Island of Adventure, opte pelo ingresso “PARK TO PARK”, que te permite trocar de parque no mesmo dia, ir e voltar. Isso porque um dos brinquedos do Harry Potter (o trem) exige este tipo de ingresso. O preço não varia muito, os parques são colados um no outro, e você pode querer começar o dia em um parque e terminar no outro.
O Wet’n Wild, parque aquático do grupo Universal é um dos mais divertidos de Orlando, com aventuras para a família toda. Ele fica mais próximo ao centro de Orlando, e não está anexo à City Walk, portanto é interessante dedicar um dia exclusivo a ele. Também depende de condições climáticas para funcionar, portanto vale a pena comprar o ingresso no dia, que você pretende visitá-lo. Atrações Imperdíveis: Acqua Drag Racer, The Storm, Bomb Bay, The Black Hole, Brain Wash, The Flyer, Surf Lagoon. Site Oficial (aqui).

 

Existem ainda muitos parques incríveis em Orlando e região, como o Sea World, Legoland, Discovery Cove, Aquatica, Bush Gardens, Kennedy Space Center… Farei um post complementar, com esses outros parques e suas peculiaridades. Falaremos também sobre o Fast Pass (o intrigante “fura filas”) dos parques e outras coisinhas essenciais!
Compras de Ingressos: Nos Lobbys dos hotéis em Orlando, é possível comprar ingressos com valores mais interessantes que nos sites oficiais. Cuidado com sites que oferecem ingressos muito baratos! Quanto mais dias você fica, mais opções de pacotes para pagar mais barato. Os sites oficiais oferecem pacotes bem bacanas. Comprar na bilheteria é interessante apenas para os Parque Aquáticos, no mais, raramente será mais vantajoso comprar de última hora. Fique atento, pois grande parte dos ingressos não tem validade até você usar a primeira vez, porém depois de usado, o primeiro dia, a maior parte expira em no máximo 14 dias.
Onde se Hospedar: Se você não tem condições de se hospedar nos Resorts da Disney ou Universal, ou quer economizar mesmo, neste quesito, saiba que: Os Hotéis mais próximos do centro de Orlando e da International Drive, são mais próximos dos parques da Universal. Os hotéis perto da Disney, ficam na verdade em Lake Buena Vista, portanto longe do centro de Orlando, cerca de 30 minutos. A maior parte dos hotéis tem Transfers gratuitos para os parques, mas fique atento aos horários. Se puder, alugue um carro, ligue o GPS e divirta-se com a sua liberdade de ir e vir, além de ficar encantado com as estradas perfeitas.
Bem, por enquanto é isso! Espero que tenham curtido as dicas!!!
Bjo bjo bjo!


VOCÊ PODERÁ GOSTAR…

INSTAGRAM

@MAYSALEAO