PRÓXIMA PARADA: ALAGOAS!

16 de maio de 2017

WhatsAppFacebookTwitterPinterestGoogle+Email

Alagoas é um dos destinos mais perfeitos do litoral brasileiro, mas é fato, que muita gente ainda não sabe disso! Meu primeiro contato com a cidade de Maceió, e depois com a cidade de Maragogi foi em 1994, e desde então, “o sal, o céu, o sol de Maceió” (versos de uma música típica da região) não saem do meu coração.

Voltamos em 2009, depois em 2013, 2014… Sim! Virou mania aqui na nossa família, escapar para aquele mar de verdes e azuis cativantes, com águas mornas, e um povo especialmente acolhedor. Mas agora em 2017, estive em Maceió, e região, à convite da CVC MATO-GROSSO, da Secretaria de Turismo do estado de Alagoas, na pessoa do Secretário Helder Gonçalves Lima, da WS Tour e Receptivo, do Hotel Ritz Lagoa da Anta, e de alguns empresários, que acreditaram na proposta de apresentar Alagoas à uma turma com 10 profissionais da comunicação digital, de Mato-Grosso, no intuito de demonstrar a excelência do turismo alagoano.

Os 9 comunicadores digitais + a fotógrafa Camila Mazzini que executou o click

O que você precisa saber sobre a experiência??? Alagoas apresentada por guias locais, é muuuito mais interessante que vista por olhos curiosos, em passeios individuais. Porque o contexto cultural da região é muito rico, a praticidade de sair de Maceió para visitar: Praia do Gunga, Barra de São Miguel, Maragogi, Milagres, e até mesmo destinos mais próximos, como a praia do Francês, com um receptivo eficiente, tornam o passeio sublime, interessante, e evitam transtornos. Em ônibus ou vans confortáveis, éramos levados aos nossos destinos diários pelo guia (no nosso caso, o queridíssimo Eloy), que já no caminho, nos contava sobre as tradições, as particularidades, os pontos altos do passeio, e as coisas indispensáveis a fazermos em cada lugar.

A frase que o guia Eloy disse, e marcou meu coração: “O povo alagoano é extremamente inocente, um povo humilde, que ama receber com carinho, que sempre fará um banquete para seus convidados, independente da classe social, o alagoano é um excelente anfitrião, isso faz parte da cultura daqui”. E foi exatamente isso que vivemos, nos nossos intensos dias em Alagoas.

Vamos aos 10 fatos importantes que você precisa saber:

  1. É possível se hospedar em Maceió e fazer passeios para diferentes cidades da região;
  2. O Sol nasce muito cedo, e se põe cedo também, por isso grande parte da agitação na cidade, começa e acaba mais cedo;
  3. Os passeios também dependem da maré, portanto vale muito a pena ir com guia para os lugares, pois ele sempre saberá essas informações;
  4. A “cidade sorriso”, como Maceió é conhecida, possui mais de 1 milhão de habitantes;
  5. Possui um IDH – Índice de Desenvolvimento Humano, de 0,735, considerado alto pelas Nações Unidas;
  6. As festividades na cidade atraem milhares de turistas: Maceió Forró e Folia, Maceió Music Festival, bem como os badalados reveillons: Absoluto, Paradise, Allure e Celebration;
  7. A temperatura possui uma média constante o ano todo, variando entre 25ºC e 30ºC, as chuvas são constantes, porém rápidas, e não chegam a atrapalhar em nada, a estadia;
  8. O Bairro das Rendeiras tem presentes incríveis para o lar, ou para pessoas que amamos. Os preços variam conforme a técnica e tecidos usados, portanto existem peças incrivelmente baratinhas, e outras bem refinadas, de valor mais elevado. Vale muito à pena incluí-lo no roteiro! Para comprar lembrancinhas mais rápidas, vale o passeio até a feirinha de Pajuçara e a Feirinha do Mercado;
  9. As comidas típicas alagoanas, são extremamente saborosas: Tapioca, Frutos do mar, feitos no leite de coco, como o famoso sururu, uma espécie de molusco da região. Lagosta, camarão, lagostim… Peixes, caranguejo, siri, guaiamum… Além dos quitutes, biscoitos amanteigados, bolos de tabuleiro e cocadas. Não esquecendo da comida nordestina tradicional, que contempla diferentes receitas com carne de sol, queijo coalho, manteiga de garrafa, buchada de bode, canjica, polenta, pamonha e outras tantas delícias;
  10. A natureza é vasta, os passeios incluem falésias, praias, lagoas, encontro das águas, mergulho de superfície ou de cilindro, piscinas naturais, a segunda maior barreira de corais do mundo, passeios de buggy, quadriciclo, catamarã, lanchas ou escunas… #alagoastefazfeliz

Essa semana postarei sobre os restaurantes que conhecemos, todos diferentes, e cada um com seu charme particular. Teremos um post também com as praias e passeios indispensáveis, o hotel Ritz Lagoa da Anta, que foi grau máximo de encantamento, o Hotel Ponta Verde, e a Praia do Francês, além de outras atrações imperdíveis, como a Noite do Turista no Maikai, Shoppings da capital…  e sei lá se conseguirei parar de falar de Alagoas, porque fui arrebatada pelo Caribe brasileiro de tal forma, que está difícil conter a vontade de continuar voltando!

Além de todo o aparato turístico, a turma escolhida para fazer essa viagem, ganhou meu coração para todo o sempre, e são detentores de todo meu respeito e amor, para quem quiser segui-los:

Aymme Fernandes do Noivas Mato-grosso (Cuiabá), Daiana Grummt (Cuiabá), Hugo Rodrigues (Alta Floresta) Euzinha (Cuiabá), Micheli Michelon (Primavera do Leste), Michelly Andreghetto (Sorriso), Nathália Goulart (Rondonópolis), Thaylise Ferreira (Cuiabá), Wagner Parrera (Sinop) e a fotógrafa, Camila Mazzini (Cuiabá). Além deles, nossa líder operacional Talita Almeida, que fez com que tudo desse certo, sempre!

Para quem mora em Cuiabrasa, a boa notícia é que a CVC VG, está com 3 fretamentos saindo de Cuiabá, com vôos diretos para Maceió, em 3 datas diferentes, no mês de julhos de 2017. Os pacotes incluem 7 dias de hospedagem, aéreo ida e volta, traslados (aeroporto-hotel-aeroporto), city tour e praia do Francês, com valores a partir de R$1608,00 (por pessoa) divididos em até 10 vezes sem juros no cartão de crédito ou 12x sem juros no cartão CVC. Informações: (65) 3026-3600 ou no whatsapp (65) 99285-7584, 99235-0410, 99235-3601 ou 99229-5966.

Lembrem-se de deixar o like no coração ao lado direito do post, não precisa inserir e-mail, é só clicar, e ele é muito importante para mim!

Bjo bjo bjo! 



VOCÊ PODERÁ GOSTAR…

TOP 10 RESTAURANTES NO RIO DE JANEIRO

20 de março de 2017

WhatsAppFacebookTwitterPinterestGoogle+Email

rio-de-janeiro

O Rio de Janeiro continua lindoooo! Aliás, está mais lindo do que nunca!!! E sim, é pretensioso da minha parte dizer que posso enumerar os TOP 10 RESTAURANTES no Rio de Janeiro… Porém, eu ouso dividir com vocês, minha humilde opinião de taurina (apaixonada por comida). Eu sempre tive verdadeira adoração pela “carioca’s way of life”, sim, o jeitão de ser do carioca. Desbocado, relax, atlético, bronzeado, e cheio de samba no pé. Não é a toa que as pessoas se apaixonam pelo Rio, e eu serei eternamente empolgada com essa cidade, que tem cadeira cativa em meu coração. Eu morei no rio em 2001, e passei os 7 anos após minha volta para Cuiabrasa, indo à cidade, pelo menos 1 vez por mês! Eu tive uma loja, de 2002 à 2009, e revendia exclusivamente marcas cariocas… Era como se eu tivesse trazido um pouco do Rio para a minha terrinha do calor.

Mas vamos aos pratos??? Sabores e amores gastronômicos que o Rio pode nos oferecer.

biscoito_globo

Nada mais carioca que comer biscoito Globo, tomando Mate na praia! Lambuzada de “rayto de Sol”, a carioca se diverte com o que a cidade tem para oferecer! Sorvete Mil Frutas, Esfiha do árabe, futvolei na praia, guaraviton para recompor a energia, um chopp com comida de boteco no Bracarense, bolinho de bacalhau do Manoel e Juaquim, samba de gafieira na Estudantina, e pizza de madrugada na Pizzaria Guanabara… Pronto! Feito isso, você já pode se sentir um pouco carioca. Hahaha! Então anote o roteiro, e depois me conte que lugares você mais gostou.

  1. APRAZÍVEL 

aprazivel-rio-de-janeiro cervejas-aprazivel-rj aprazivel-restaurante-rio

O restaurante Aprazível, localizado em Santa Teresa, é um destino clássico da gastronomia carioca. Não só pelo cardápio, rico em misturar sabores brasileiros e internacionais, como também pelo visual incrível do casarão antigo, das árvores frondosas, da belíssima vista da Baía de Guanabara, da música gostosa e do atendimento atencioso.

Cuidado: Prestem atenção na hora de ir e voltar, pois ali perto existe uma comunidade bem perigosa, pelo menos no ano de 2017, e já houve pelo menos uma morte de turista, que entrou na comunidade sem querer. Portanto ir de táxi, neste caso, pode ser a melhor pedida, pois o local onde o restaurante fica não é perigoso, mas seu entorno, infelizmente, é.

Endereço: Rua Aprazível, 62, Bairro Santa Teresa, Fone: (21) 2508-9174, Instagram @aprazivel. Preços: $$$$

2. MARIU’S DEGUSTARE:

Conheci o Mariu’s Degustare neste último carnaval, porque minha amiga Alessandra, queria muito ir a um lugar especializado em frutos do mar. Pesquisei na internet, perguntei ao concierge no nosso hotel, e o Mariu’s foi o primeiro nome da lista. Localizado ao lado da pedra do Leme, no início de Copacabana, a fachada do restaurante com bandeiras do mundo todo, sinalizava uma tendência de restaurante turístico. Muita gente tem medo de restaurante turístico, o que muitas vezes é justificável, porém como eu já disse outras vezes, fugir do que é turístico, pode bem ser uma grande roubada, pois muitos lugares tornam-se pontos de referência, em suas cidades, justamente por serem impecáveis. A supresa no Mariu’s Degustare foi bem essa: Lugar interessantíssimo, cheio de antiguidades na decoração, atendimento primoroso, uma excelente seleção de carnes e frutos do mar, com bufete de entradas, acompanhamentos e sobremesas. No dia em que fomos, o serviço era buffet + menu degustação (uma espécie de rodízio) muito bem servido, com sabor delicioso, e bastante variedade.

Valor: R$150 foi o que pagamos por pessoa, tenho plena consciência de que não foi barato, mas posso garantir que valeu cada centavo. A única coisa que eu achei exagerada, foi o valor da bebida, portanto vá preparado para comer muuuuito bem, e deixar para beber mais, em outros lugares.

Endereço: Av. Atlântica, 290, Copacabana, Fone: (21) 22750652, instagram: @mariusdegustare

3. TRAGGA:

Conheci o Tragga, através de um convite da minha amiga, super blogger capixaba, Nanda Portella, e de cara ameeeei! O restaurante é especializado em carnes com corte argentino, e eu sou amante da boa carne. Além disso, o ambiente é lindo (fomos ao Tragga de Botafogo), o atendimento excelente, os acompanhamentos deliciosos (risoto de grana padano, risoto malbec, batata frita artesanal, farofa de cebola caramelizada e banana…), e para fechar com chave de ouro, as sobremesas são um caso de amor. As carnes servem uma pessoa com bastante apetite, e se você for garfo leve, pode dividir uma carne e complementar, pedindo um acompanhamento extra. Eu comi o bife ancho e estava delicioso. Vale ficar atento ao instagram do Tragga, porque rolam promoções de rolha livre, e outras informações bacanas.

Valor: Os valores são razoáveis, com pratos que variam em média, de R$70 à R$100 (à época em que fomos, fevereiro de 2017).

Endereço: Rua Capitão Salomão, 74, Humaitá/Botafogo, Fone: (21) 3507-2235 ou Avenida das Américas, 8585, Vogue Square, Barra da Tijuca, instagram: @restaurantetragga.

4. GERO:

O restaurante Gero é um italiano incrível, da família Fasano, que possui 2 endereços no Rio de Janeiro, sendo um na Barra da Tijuca, e o outro em Ipanema. O ambiente é requintado, o atendimento faz jus ao preço, e o sabor é realmente primoroso. Eu conheci o Gero, através de um post da carioquíssima, Thereza Chamas, do Fashionismo. O Stinco de cordeiro é um dos pratos favoritos do marido da Thereza, e ela nunca deixa de pedir o suflê de queijo. Eu já caí de amores pelos Culigiones con ricotta e limone (foto acima). As sobremesas também são incríveis. Os cardápios dos restaurantes variam, então vale ligar antes, se seu intuito é degustar um prato específico.

Valor: O Gero costuma ter um menu de almoço chamado de mezzogiorno, que oferece entrada + prato principal + sobremesa por R$98, e no jantar, os pratos variam na média de R$89 à R$198. Portanto, é um restaurante mais requintado, de valor elevado.

Endereços: Rua Anibal de Mendonça, 157, Ipanema, Fone: (21) 2239-8158, ou o Gero Trattoria Barra, que fica na Avenida Érico Veríssimo, 190, Fone: (21) 3523-5700. Instagram: @fasano. 

5. PIZZARIA CAPRICCIOSA:

Minha paixão pela Capricciosa, vem do tempo que eu morava no Rio, em 2001, e nunca mais acabou! Deve ser porque eu amo “la vera pizza italiana”, com uma massa artesanal incrível, e aquele recheio dos deuses. A Capricciosa nasceu em Búzios em 1998, chegando ao Rio no ano seguinte, 1999. A primeira loja carioca, foi inaugurada em Ipanema, e trouxe para a cidade, o conceito DOC – Denominação de Origem Controlada, que se trata de um selo italiano de classificação de excelência, nos produtos utilizados e na forma de fazer a pizza. A melhor farinha, os melhores ingredientes, e a exposição rápida ao forno à lenha, com temperatura sempre acima dos 400 graus, garantem a qualidade da pizza, da Capricciosa, que hoje também é encontrada em Copacabana, e no Jardim Botânico.  Além dos mais de 40 sabores, das deliciosas burratas, e saladas, a pizzaria ainda tem massas incríveis em seu cardápio. As pizzas são servidas em 2 tamanhos: 30 ou 35 cm de diâmetro, e são de comer rezando!

Valor: O preço é bem razoável, variando de R$69 à R$89, em média.

Endereços: Rua Vinícius de Morais, 134, Ipanema, Fone: (21) 2523-3394, Rua Maria Angélica, 37, Jardim Botânico, Fone: (21) 2527-2656, ou Rua constante Ramos, sem número, Copacabana, Fone: (21) 2255-2598. Instagram: @capricciosapizzadoc. 

 6. BALADA MIX: 

Esse restaurante, que tem fama de “natureba”, mas na verdade contempla muito mais do que se imagina, é um dos meus favoritos no Rio! Ele começou como casa de sucos em 2002, mas já chegou revolucionando o mercado, com zilhões de opções de sucos e acompanhamentos. O cardápio hoje é super diversificado, indo do açaí (sem corantes), passando pelo creme de pitaya, pelos grelhados, pela salada, comida japonesa, pizza DOC (selo italiano, como o da Caprichosa, que expliquei acima), indo parar no hambúrguer! Tudo feito com o compromisso de qualidade nos insumos, e ingredientes. Já existem 28 franquias do Balada Mix, Brasil afora, e eu bem que ficaria feliz, se abrisse uma em Cuiabrasa. Os pratos são realmente deliciosos, e agora, algumas unidades tem buffet de café da manhã… Quem me acompanha há tempos, sabe que sou amante do café da manhã.

Preço: Os preços são ótimos, acessíveis e democráticos.

Endereços: Tem Balada Mix por toda parte no Rio: Shopping Leblon, Shopping da Gávea, Shopping Downtown, Shopping New York, Shopping Rio Design, Shopping Nova América, em Ipanema, existe uma unidade na Farme de Amoedo, outra na Anibal de Mendonça, no Arpoador, Copacabana, Leblon, Botafogo, Laranjeiras, ou seja, para saber onde encontrar o Balada Mix mais próximo, clique (aqui).

7. LA MOLE: 

Custo x benefício definem o La Mole! Um restaurante ítalo-carioca, inaugurado em 1958, e que faz parte da vida no Rio de Janeiro. Eu sou apaixonada pelo medalhão de filé ao molho madeira com arroz à piemontesa, que custa menos de R$60, e tem sempre aquele sabor de refeição em família, no Rio. Quando eu morei na cidade maravilhosa, o La Mole era sempre destino frequente, e também uma ótima opção de delivery, por não cobrar taxa de entrega, e a comida chegar sempre quentinha. A primeira unidade, nasceu no Leblon, na Dias Ferreira, onde existe até hoje. Atualmente, você encontra o La Mole por toda parte, e o restaurante continua no coração gastronômico da cidade. Peça o couvert, que tem um valor fixo, e serve bem até 3 pessoas, porque ele bem gostoso. Os pratos individuais são bem servido, mas realmente são para uma pessoa. As sobremesas também são muito gostosas.

Valor: Ele tem um valor bem honesto, não assusta o bolso, e satisfaz super bem.

Endereços: Shopping Rio Sul, na Rua Dias da Rocha, 31, loja B, Copacabana, Rua Joana Angélica, 159, Ipanema, Rua Dias Ferreira, 147, Lojas C e D, Leblon, Avenida Armando Lombardi, 175, Barra de Tijuca, e outros endereços, que você encontra no site oficial do La Mole.

8. GULA GULA: 

Mais carioca que o Gula Gula, impossível!!! Esse restaurante é meu queridinho no Rio! Não só meu, mas de muuuuuita gente. Com endereços espalhados por toda a cidade, o forte da casa são as saladas, os grelhados (acompanhados de manteiga de ervas, que eu amo, ou molhos espertos), e as sobremesas, que são simplesmente, arrebatadoras. A torta mousse de chocolate, com sorvete de creme, é simplesmente de outro planeta. Além do cardápio variado, do prato do dia, do menu kids, e das novidades, que sempre chegam no “experimente”, o Gula Gula tem um preço que cabe no bolso. Eu sou fã, e sempre que vou ao Rio, dou um jeito de comer essas gostosuras, que fazem parte do paladar carioca, desde 1984.

Valor: Os pratos variam entre R$27 e R$70 em média, tendo muitos partos bacanas por menos de R$50.

Endereços: Shopping Rio Design Barra, Shopping Rio Design Leblon, Shopping Rio Sul, Av. General San Martin, 1196, Leblon, Rua Marquês de São Vicente, 52, Shopping da Gávea, av. Alexandre Ferreira, 220, Jardim Botânico, Fashion Mall em São Conrado, Barra Shopping…

9. TT BURGER: 

O matador da fome, como os proprietários do TT Burger o chamam, nasceu em 2013, e veio da união de 2 heranças genéticas de responsa: Thomas Troisgros, chef (filho do chef Claude Troisgros), e Rony Meisler (herdeiro do Grupo Reserva), que uniram DNA, expertise, e vontade de inovar, criando uma hamburgueria brasileira, com diferenciais, que só encontramos por aqui. Hoje eles vendem uma média de 20.000 hambúrgueres por mês, e os lanches são compostos de ingredientes 100% nacionais. Destacando aí o ketchup de goiabada, o pão de batata doce, ou o pão de pimenta, além da carne do hambúrguer, que nasceu de uma receita secreta da família Troisgros, que contem acém, fraldinha, e contra-filé. Outro carro chefe do TT Burguer é o “sacode”, nome dado ao milk shake da casa, que está disponível nas versões: nutella, e doce de leite com flor de sal, além dos sabores em parceria com o tradicional Bar do Oswaldo: Açaí, coco e maracujá.

Valor: O sanduíche, custa cerca de R$39, as batatas, cerca de R$7, o sacode custa em média R$18.

Endereços: Av. Ataulfo de Paiva, 1240, Leblon, Fone: (21) 96458-8678, Rua Francisco Otaviano, 67, Arpoador, Fone: (21) 96458-8674, Rua Nelson Mandela, 100, Loja 125, Botafogo, Fone: (21) 96458-8681, e a primeira unidade, que nasceu na Barrra da Tijuca, Av. Olegário Maciel, 460, loja D, Fone: (21) 96458-8675. Instagram: @t.t.burger

10. CONFEITARIA COLOMBO: 

 A Confeitaria Colombo não é bem um restaurante, pensando superficialmente, mas levando em consideração que no salão do primeiro piso (na verdade mezanino, como eles chamam por lá), funciona o restaurante Cabral, com um vasto cardápio a la carte, e no segundo piso, funciona o restaurante Cristovão, com buffet de segunda à sexta, das 11:30 às 16:00. Temos a certeza de que a Colombo se encaixa perfeitamente na categoria: complexo de restaurantes cariocas. A arquitetura é um sonho, o edifício é patrimônio cultural do Rio de Janeiro, fundado desde 1894, já foi palco de grandes encontros da cena carioca. Eu já tive o prazer de almoçar no segundo andar, com um atendimento todo pomposo, que nos transportou ao século passado. Além da prataria do buffet, o vasto cardápio, é de “lamber os beiços”, dizendo de forma bem direta, o que a taurina aqui, sentiu. O Bar jardim, que fica no térreo do edifício, é perfeito para fazer um lanche incrível, e entrar de vez no túnel do tempo. Opções não faltam, neste passeio que é obrigatório, em terras cariocas.

Valor: De R$5 à R$150, tudo é possível, depende do ambiente que você escolher, e tipo de refeição.

Endereços: A Confeitaria Colombo oficial, com todos os seus ambientes, e diferentes restaurantes, está localizada no Centro do Rio de Janeiro, na Rua Gonçalves Dias, 32. Existe em Copabana, o Café Colombo, que fica no Forte de Copacabana, e que vale pela vista maravilhosa da praia, lugar ideal para um café da manhã, ou lanche no fim da tarde.

Ufaaaaa, galerinha do bem, eu vou ficando por aqui, deixando avisado que não falei de nenhum boteco de propósito, pois eles terão um post só para eles. Faltaram também, os badalados restaurantes da moda, na cena gastronômica atual, que também terão um post especial, incluindo aí os restaurantes japoneses, que eu tanto amo, e acabaram não sendo citados no post. De 1 a 10, tente em cada ida ao Rio, experimentar os indicados neste post, tenho certeza que vocês irão curtir cada um, na sua particularidade.

Se gostaram do post, por favor, deixem o “like” de vocês, no coração aí do lado direito!

Bjo bjo bjo!!!



VOCÊ PODERÁ GOSTAR…

DICAS DE LOS ANGELES: RESTAURANTE CATH EM MELROSE WEST HOLLYWOOD

18 de dezembro de 2016

WhatsAppFacebookTwitterPinterestGoogle+Email

1-catch-la_arrivals-1-1030x687

Meu amor por Los Angeles é infinito, talvez por eu ter morado lá há anosssss atrás (1996 para ser exata), ou pela mística em torno da capital do cinema mundial. Portanto falar de Los Angeles, é mais que um prazer… Estou preparando uma série de posts para vocês, e como boa taurina, começarei pelo badalado restaurante CATCH. Nascido em New York (instalado no Meatpacking District), tem endereços em Dubai e Playa del Carmen (México)  além do novo spot em um rooftop no endereço estrelado de MELROSE em West Hollywood.

Especializado em frutos do mar, o restaurante ficou conhecido pelos frequentadores famosos, pelas festas badaladas e pelo menu primoroso, e agora pelo brunch, que além de um cardápio incrível, encanta pelas paisagens que proporciona da belíssima região de West Hollywood. INSPIREM-SE:

6-tablescape-a2-1030x687 catch-brunch-los-angeles 3-catch-ceviche-1-1030x687 7-catch-la_mdr-1-1030x687 2-10oz-filet-1030x687 15-catch-la_terrace-2 14-hit-me-chocolate-cake-1-1030x824 catch-la-pdr-cocktail-style-2-1030x824 5-detox-retox-1-1030x687 catch-la-large-pdr-dinner-view-2-1030x687 catch-brunch-los-angeles catchla-1071

Pelas imagens, dá para imaginar o quanto o restaurante se encaixa no perfil artístico, badalado e inovador do Design District de Los Angeles. A vista para as montanhas de Hollywood (Hollywood Hills) e para o centro de Los Angeles (Downtown LA) também são grandes atrativos do CATH. Há também grandes chances de encontrar-se com uma Kardashian ou algum outro famoso. A decoração do ambiente, a apresentação dos pratos, e o sabor, também são grandes aliados para o sucesso deste point gastronômico.

catch-rooftop-melrose-la

Estou enlouquecida para desfrutar de um brunch no Catch, já está no topo da minha lista de lugares. Em breve posto para vocês sobre Melrose, que ja inspirou um seriado de muito sucesso na década de 90, e que abriga endereços incríveis para quem ama moda, arte, música e gastronomia.

Gostou do post? Lembre-se de dar seu like no coração à direita, no fim do post. Para ler todos os posts de viagem do Blog, clique (aqui).

Eu encontrei uma CVC para chamar de minha, pois a Gelza, proprietária da loja da Av. Couto Magalhães,911, Várzea-Grande, é super viajada, sempre tem as melhores dicas, e atende por whatsapp, pessoas do Brasil todo! É só chamar (65) 99235-0410, 99287-4534 ou 99285-0252. Vale à pena cotar o pacote completo por lá e comparar, porque  a comodidade de ter alguém resolvendo todos os problemas em uma viagem, especialmente para o exterior, é o melhor investimento.

O CATH LA, está localizado em 8715, Melrose Avenue, West Hollywood, CA, 90069, reservas (aqui). 

Bjo bjo bjo!



VOCÊ PODERÁ GOSTAR…

INSTAGRAM

@MAYSALEAO