etica-blog-mala-com-rodinha

ETICA E POSTURA DE TRABALHO NO MALA COM RODINHA

O MCR nasceu da vontade de expressar descobertas para um mundo mais amplo que meu pequeno mundo geográfico. Nos primeiros 6 meses minha remuneração foi zero, e todos os posts nasciam nas madrugadas, pois em horário comercial, eu precisava ganhar o pão de cada dia. Mas as pessoas começaram a seguir meus conselhos, muito antes de blogueira ser uma profissão conhecida. Foi assim que os primeiros parceiros surgiram. E as empresas que eu indicava porque consumia seus produtos e/ou serviços, desejaram me remunerar por isso, estabelecer parâmetros (como números de posts por mês) e estarem ligadas ao meu trabalho como blogueira.

Assim nasceu minha profissão, que eu tanto amo! De forma natural, espontânea e orgânica. Se as pessoas/empresas me pagam para que eu fale delas? Sim! Graças à Deus nasceram as parcerias, pois assim, eu pude dormir nas madrugadas, mudar de profissão, e me dedicar em “horário comercial” ao Blog. Na verdade, eu sigo em uma rotina insana de 10 a 12 horas por dia… Mas é porque eu me apaixonei por esse “nosso lugar”!

Eu aceito todas as empresas que me procuram? NÃO! Em capslock mesmo, para deixar claro que eu não vendo a minha opinião, e jamais enganaria vocês, pois meu produto principal continua sendo a minha credibilidade! Então eu analiso as propostas que me fazem, me pergunto com toda a sinceridade: Eu compraria esse produto? Eu contrataria essa empresa? Eu investiria neste serviço? e somente se a resposta for positiva, a parceria é de fato iniciada.

Quem são esses parceiros? Na lateral direita do seu computador (olhando para a tela) a famosa “sidebar” como dizem os entendidos, vocês verão a palavra: PARCEIROS, e em baixo dela, uma imagem de cada empresa que anuncia no blog! Se você estiver navegando pelo celular, basta rolar seu visor para baixo, até encontra-los.

Todos os meus posts são “pagos”? Não! Muitos posts são coisas que amo, e quero contar para vocês. Quem me dera se eu ganhasse tudo o que eu mostro por aqui, né?! Os meus parceiros pagam para que eu fale de coisas específicas? Não! Eles pagam uma “mensalidade” para estarem presentes no blog, um número “X” de vezes (tem contratos de 1, 2, 3, 4 posts mensais), porém eu tenho total liberdade editorial! Portanto eu só visto o que gosto, só falo de comidas que eu já comi, de serviços que eu aprovo, de profissionais que eu respeito, de coisas que acho bonitas, eficazes, que me fazem bem, e que eu penso que terão efeito semelhante em vocês.

Espero que tenha ficado claro, que minha forma de trabalhar é sempre pautada pela ética e transparência. Por aqui, publicidade velada não entra! Dinheiro nenhum no mundo compra a minha credibilidade, porque sem ela, o meu valor e a minha paixão acabam.

O Mala com Rodinha é meu cantinho sagrado! Vocês são minha “galerinha do bem”, meus e minhas “fashionistas”, e meu maior desejo, é que nossa jornada seja longa!

Bjs bjo bjo!

May.