OS MELHORES PASSEIOS NO RIO DE JANEIRO

24 de março de 2017

WhatsAppFacebookTwitterPinterestGoogle+Email

Os melhores passeios no Rio de Janeiro, segundo o senso comum, somados às minhas experiências, e ao meu amor pela cidade maravilhosa! Ninguém merece morrer sem cair de amores pelo Rio. Há toda uma magia em torno da cidade, que revela emoções inimagináveis. Especialmente se você se desprender de preconceitos, prevenir certos aborrecimentos que infelizmente atrapalham, porém não são capazes de ofuscar a beleza estonteante desta cidade que cresceu em torno de montanhas, florestas, mar, lagoa, e todo tipo de arte divina, que se pode imaginar. Sim, o Rio, é muito mais criação de Deus, que construção do homem. Muitas nuances serão capazes de deixar o mais experiente dos viajantes, boquiaberto com tanto esplendor.

1. MORRO DA URCA, BONDINHO E PÃO DE AÇÚCAR: 

Conheço muita gente que já foi ao Rio zilhões de vezes, e não fez esse passeio, porque acha clichê… Aí é aquele momento que eu reforço o que sempre falei por aqui: Muitos pontos turísticos, se tornaram turísticos, exatamente por serem indispensáveis. Fugir desse ponto fundamental do Rio, por achar “clichezão”, é dar uma de bobo, e ainda perder uma experiência incrível. Dê preferência para dias de céu aberto, embora seja tentador ficar o dia inteiro na praia, você pode iniciar o dia passeando, e passar as tardes na praia, ou vice-versa, mas dedique metade do tempo para turistar, garanto que vale à pena!

O Bondinho abre as 08:00 e fecha às 19:50, o valor em março de 2017, está R$76 adultos, R$38 crianças de 06 à 12 anos, menores de 06 anos, não pagam. Para conferir as informações, acesse (aqui).

A primeira subida leva ao Morro da Urca, que tem restaurante, lanchonete, lojinhas de souvenires, o anfiteatro “Quem sabe sobe”, que sempre é palco de shows incríveis. Eu assisti a um show da Rita Lee, na época do “Oi Noites Cariocas”, que jamais esquecerei…

A segunda subida leva ao Pão de açúcar, que proporciona a oportunidade de ver o Rio, com uma amplitude de 360º graus, a uma altura de tirar o fôlego.

2. CORCOVADO E CRISTO REDENTOR: 

Eu sou do tempo que a fila do Cristo era insuportável, e que depois de enfrentar uma verdadeira batalha, você ainda precisava subir de escada, os zilhões de degraus… Mesmo assim, fui, amei, e voltei algumas vezes. Hoje a coisa mudou de figura, tem escada rolante, elevador, bilheteria eletrônica, e tantas outras inovações. Além da beleza da cidade, em perfeita harmonia com a natureza, se você for Cristão, quando estiver aos pés do Cristo, sentirá uma emoção única. A maior vontade ao pisar ali, é agradecer! Impossível não se comover com a grandiosidade deste monumento, famoso e celebrado em todo o mundo, patrimônio da humanidade pela UNESCO, umas das 7 maravilhas do mundo.

O “novo Cristo Redentor” foi todo estruturado para receber um número elevado de turistas com organização. NÃO vale à pena ir de carro próprio, porque simplesmente não tem estacionamento para veículos particulares. O melhor acesso ao Cristo hoje, se dá através das vans oficiais, que saem do Largo do Machado (ao lado do metrô), de Copacabana (da praça do Lido), ou da Barra da Tijuca (do Shopping Cittá América), e você pode comprar o bilhete (aqui). Se você estiver hospedado na zona sul, as vans do Largo do Machado, ficam pertinho do metrô, e são sempre mais vazias, especialmente na hora de ir embora. Se você optar por ir de Uber, táxi, ou ônibus de empresas de turismo, ficará no estacionamento destinado a eles, a cerca de 100 metros do centro de visitantes paineiras.

Valor: Os valores variam, dependendo da temporada (alta ou baixa), e da faixa etária. Além disso existem possibilidades de ingressos com: transporte + visita, transporte + visita + almoço, portanto a melhor opção é acessar o site, e escolher aquele que se encaixa no seu perfil.

Quem não subiu as ladeiras com as vans oficiais do Paineiras-Corcovado, deve se dirigir ao guichê onde são vendidos os ingressos, para as vans que sobem até o corcovado. Você compra o ingresso, recebe uma senha, e quanto espera, pode comer algo nas lanchonetes, ou comprar uma lembrancinha na loja de souvenires, ou o melhor programa (especialmente com crianças), visitar a exposição Floresta Protetora, que é muito rica de conteúdo sobre a história do Cristo e o fato dele ser cercado pela maior floresta urbana do mundo. Quem já chegou lá pelas vans oficiais, pode seguir direto para o embarque ao Cristo.

Lá em cima tem uma muvuca certa, porque todo mundo quer ficar encostado na mureta, apreciando a paisagem. Mesmo assim, é possível fazer lindas fotos, e vislumbrar a paisagem. Prefira dias de semana, com menos fluxo. E se você subiu direto, na volta, faça uma paradinha no centro de visitantes, vale à pena.

Existe também a possibilidade de subir de trem, a viagem dura cerca de 20 minutos do ponto de partida em Cosme Velho, até o “pé do Cristo” no alto do Corcovado, sendo que o trem não passa pelo centro de visitantes. Os bilhetes do trem devem ser comprados pelo site, ou aplicativo, e trocados pelos bilhetes físicos, na bilheteria. A bilheteria não vende bilhetes para o mesmo dia, portanto o ideal é comprar pela internet, com data e hora marcada.

3. MUSEU DE ARTE NAIF:

O Museu Internacional de Art Naif (MIAN) está localizado na rua Cosme Velho, exatamente de onde sai o trem para o Corcovado e Cristo Redentor. Portanto se você vai fazer esse passeio, aproveite para dar uma passadinha nele, até porque, quem apresenta o ticket do trem, ainda ganha 50% de desconto na entrada do Museu. A arte naif, é considerada uma arte “ingênua” (significado da palavra naif), livre de convenções rígidas, que aborda um conceito livre de expressão artística. Isso não significa que não tenham valor, ou não sejam oriundas de artistas altamente talentosos… É uma arte doce, encantadora, de fácil entendimento. No museu existem muitas obras que retratam a história do Brasil, e a cidade do Rio de janeiro. Além de tudo, no MIAN, você pode degustar um café tradicional, feito no coador de pano, sentado confortavelmente no jardim.

O museu fica aberto de terça à sexta, das 10h às 18h, sábado e domingo, sábado e domingo, das 10h às 17h. Entrada inteira R$12, e meia R$6, maiores de 80 anos e menores de 5 anos, não pagam, e a bilheteria encerra 30 minutos antes do fechamento.

Endereço: Rua Cosme Velho, 561.

4. JARDIM BOTÂNICO: 

Eu sou completamente alucinada pelo jardim botânico do Rio! Simplesmente, ele é tudo que aparenta, e muito mais. Por exemplo, essas palmeiras imperiais, são mais lindas ainda, ao vivo. Um lugar incrível para ir com crianças, para andar sem pressa, para respirar ar puro, e conhecer espécies de plantas que nem sabíamos que existia. O local é imenso, e rende uma boa caminhada, existem na bilheteria, informações sobre a visita guiada, com carrinhos de golf, direcionadas à idosos, e portadores de necessidades especiais. A lojinha de souvenir, dentro do centro de visitantes, um casarão de 1956,  é super interessante, e os lanches vendidos no café La Byciclette ao lado dele, são simplesmente deliciosos. O Jardim Botânico é um ancião de mais de 200 anos, coincide com a chegada da família real ao Brasil, preserva casarões históricos,  tornou-se um grande centro de pesquisa da flora mundial, tombado pelo IPHAN, além de todos os seus atributos, permite uma vista diferente do Cristo, e encanta a todos, independente da idade.

Valor: R$15, segunda das 12:00 às 17:00, e de terça à domingo, das 08:00 às 17:00. Mais informações (aqui).

Endereço: Rua Jardim Botânico, 1008.

Foto do Blog Viaje na Viagem

A Mariana Amaral, descreve com riqueza de detalhes, neste post (aqui), o passeio pelo Jardim Botânico, e eu com certeza concordo com ela, e com a frase de Clarice Lispector, neste banco do Jardim: “Sentada ali no banco, a gente não faz nada, fica apenas ali sentada, deixando o mundo ser.” Hoje as pessoas correm tanto, seguem tantos roteiros, se influenciam com tantos comportamentos, que deixam de sentir o mundo, de aproveitar o momento. O Jardim Botânico é um desses lugares, que merecem a vida em câmera lenta, que não precisam de um roteiro específico, porque só de estar ali, olhando, já são vividas, sensações únicas.

5. VISTA CHINESA:

Esse mirante fica próximo ao jardim botânico (média de 15 minutos de carro), e proporciona uma das vistas mais espetaculares do Rio! Apesar da subida íngreme, muita gente vai de bike ou a pé, aproveitando para depois da visita à vista, tomar um banho de cachoeira (as cachoeiras da Gruta e dos macacos são abertas ao público). O nome Vista Chinesa, foi dado como forma de homenagear os chineses que chegaram no Brasil por volta do século XIX, e por isso foi construído (entre 1902 e 1906) o pavilhão de estilo oriental, a 380m do nível do mar. Importante lembrar que o ônibus só vai até a entrada do Parque da Tijuca, portanto dê preferência para ir de táxi ou uber, vale também combinar com o motorista para esperar, pois a visita geralmente é curta. É melhor ir de dia, no máximo no entardecer, para garantir a segurança do passeio.

Endereço: Parque nacional da Tijuca, Estrada da Vista Chinesa, 1294, Alto da Boa Vista.

6. JOCKEY CLUBE E HIPÓDROMO DA GÁVEA: 

O Jockey Clube Brasileiro, foi o palco mais badalado do desfile social da aristocracia carioca, frequentado inicialmente por “members only”, ou seja, quem fazia parte do seleto clube. Hoje já não é mais assim, e o Jockey está aberto a todos, exceto algumas áreas restritas à sócios. Você pode visitar o jockey por “n” motivos: pela belíssima paisagem, pelas edificações seculares, pela diversão em assistir as corridas, ou até para uma pequena aposta… Além do Hipódromo, das instalações comuns, existem ótimos restaurantes no polo gastronômico do Jockey, inclusive uma filial do badalado Figueira Rubayat que fica na entrada do Jardim Botânico, e o Francês-paulistano Bagatela, que fica na entrada da Gávea.

Endereço: Rua Jardim Botânico, 971,  ou se você optar pela entrada na Gávea, Praça Santos Dumont, 31.

7. PARQUE LAGE: 

Com 52 hectares de mata atlântica, aos pés do morro do Corcovado, bem perto do Jardim  Botânico, esse antigo engenho de açúcar do Brasil Colonial, guarda encantos que ganham o coração de todos que o visitam. Os jardins geométricos, a lavanderia dos escravos, o aquário, as edificações, incluindo aí a Escola de Artes Visuais e o Café que fica no palacete principal, são de tirar o fôlego.  Ótima pedida para um incrível café da manhã, ou um lanchinho da tarde, além da oportunidade de visitar as exposições de arte que sempre acontecem por ali. Para os aventureiros de plantão, existem trilhas, inclusive uma que leva ao Cristo Redentor (essa eu não arrisco sozinha, mas quem sabe um dia, com guia, já vi que tem este passeio aqui). Para quem ama clicks incríveis, e ficar perto da natureza, com certeza o Parque Lage, é passeio obrigatório.

Horários: Diariamente das 08:00 às 17:00

Endereço: Rua Jardim Botânico, 414.

8. MUSEU DO AMANHÃ: 

O Museu do Amanhã faz parte dos projetos de revitalização do centro do Rio de Janeiro e do cais do porto, que acabaram ficando conhecidos como Boulevard Olímpico, pois ali aconteciam as fun fests, e todo o buxixo em torno do jogos. Esse passeio vale muito à pena, para a contemplação da paisagem, além da possibilidade de conhecer outros museus e atrações que ficam todas bem pertinho uma da outra. É bacana guardar um dia inteiro dedicado a essa região, porque realmente ficou muito bonito. O projeto do arquiteto valenciano Santiago Calatrava, é sem dúvida o ponto focal da praça Mauá. Diferente de outros museus, sua obra principal são as informações, expostas de forma artística, estimulando a interação dos visitantes. A primeira fase, chamada Cosmos, essencialmente “responde” a pergunta Como chegamos aqui? A segunda fase, Terra, “responde” a pergunta: Quem Somos? A terceira fase, Antropoceno, “responde” a pergunta Onde estamos? A quarta fase, Amanhã, especula “respostas”: Para onde vamos? E na quinta e última fase, Nós, “respondemos” sobre o legado que deixaremos aqui.

Funcionamento: De terça à domingo, das 10:00 às 18:00, última entrada às 17:00. Atenção para a venda de ingressos online (aqui), pois na bilheteria, os ingressos são limitados. Existe também a possibilidade de comprar o bilhete único dos museus, que dá direito ao M.A.R (Museu de Arte do Rio), que fica logo ao lado.  Os ingressos variam, e o bilhete único para os dois, custa em torno de R$36 inteira.

Endereço: Praça Mauá, 1, Centro.

9. M.A.R – MUSEU DE ARTE DO RIO

Chuva de museus por aqui, porque nós brasileiros temos a péssima mania de visita-los somente quando vamos ao exterior. Pois os Rio de Janeiro tem excelentes opções, que valem nosso tempo, e que com certeza ganharão nossos corações. O M.A.R, Museu de Arte do Rio, fica pertinho do Museu do Amanhã, na Praça Mauá, também conhecida como Boulevard Olímpico, como eu expliquei na atração anterior. Esse Museu, que coexiste em 2 edifícios interligados, de diferentes características arquitetônicas, sendo  o palacete Dom João VI, tombado pelo patrimônio, e o edifício modernista, onde esta instalada a escola do olhar, que difunde o principal objetivo do museu, que é o de inserir cultura na vida dos estudantes da rede pública de ensino, e da população da cidade. O M.A.R contempla uma leitura simbólica da vida da cidade do Rio de Janeiro, de seus aspectos sociais, sonhos e conflitos. Com exposições fixas e temporárias, de obras nacionais e internacionais, incentivando a visitação repetida, e a participação da sociedade na vida do museu.

Funcionamento: De terça à domingo, das 10:00 às 17:00. Atenção para a venda de ingressos online (aqui), pois na bilheteria, os ingressos são limitados. Existe também a possibilidade de comprar o bilhete único dos museus, que dá direito ao Museu do Amanhã, que fica logo ao lado.  Os ingressos variam, e o bilhete único para os dois, custa em torno de R$36 inteira.

Endereço: Praça Mauá, 5, Centro.

10. AQUARIO (AquaRio):

O AquaRio (fala-se aquarrio), é o maior aquário da América do Sul, possuindo 26.000 metros quadrados de área construída, com 4,5 milhões de litros de água, possuindo um circuito de 28 tanques, com mais de 350 espécies marinhas, do mundo todo. O local é extremamente organizado, faz parte da orla portuária renovada do Rio de Janeiro, ficando pertinho do Museu do Amanhã e do M.A.R. Os ingressos esgotam com facilidade, portanto fica a dica, de compra-los online (aqui), lembrando que eles possuem sistema de hora marcada, para evitar filas, e isso significa que você deve ser pontual ao horário que escolheu. O tempo de visitação é livre (dentro do horário de funcionamento do aquário), porém a média de tempo, é de 1 hora. Com certeza é possível ficar muito mais que isso, pois são muitas as atrações, tendo também opções para lanches, e uma lojinha super completa de souvenires.

Valor: No dia deste post, o valor do ingresso estava R$80, o que achei bem elevado, porém lendo a respeito do projeto, da grandiosidade do local, e das impressões publicadas pelos visitantes, em redes sociais, acredito que ainda assim, valha à pena.

Horário de Funcionamento: Todos os dias, das 10:00 às 18:00, com última entrada para 17:00!

Endereço: Praça Muhhamad Ali, Gamboa, Rio de Janeiro.

11. MURAL ETNIAS: 

O maior painel de street art do mundo, segundo o Guiness Book, foi assinado por Eduardo Kobra. A obra retrata 5 rostos indígenas diferentes, representando os 5 continentes: Oceania, Ásia, África, Europa e Américas, incialmente ele foi feito para homenagear a junção dos povos nos jogos olímpicos, mas tornou-se exposição permanente da nova orla portuária.

Endereço: Av. Rodrigo Alves, 241, Gamboa, Rio de Janeiro.

12. CCBB – CENTRO CULTURAL BANCO DO BRASIL: 

Este centro cultural, está localizado no coração do centro do Rio, a edificação por si só, é uma atração. A pedra fundamental do CCBB-RJ foi lançada em 1880, inaugurado como sede da associação comercial do Rio de Janeiro em 1906, na década de 20 passou a pertencer ao Banco do Brasil, mas só no final da década de 80, o Banco do Brasil optou por conservar seu esplendor arquitetônico, tornando-o então, um centro cultural. Ali funcionam exposições temporárias, e fixas, cinemas, teatros, tornando-se a instituição cultural mais visitada do Brasil, e a vigésima do mundo.

Horário de funcionamento: De quarta à segunda, das 09:00 às 21:00

Endereço: Rua 1º de Março, 66, Centro.

13. THEATRO MUNICIPAL: 

Uma das principais casas de espetáculo do Brasil, e da américa latina, o Theatro Municipal do Rio de janeiro, “nasceu” em 1909, e recentemente passou por uma passiva reforma, que recuperou elementos importantes da sua arquitetura, Além dos espetáculos que nele acontece, existem as visitas guiadas, de terça à sexta, às 11h, 12h, 14h, 15h, e 16h, ou aos sábados e feriados, 11h, 12h, e 13h. A lotação dessas visitas é de no máximo 50 pessoas, e os ingressos são vendidos, somente na bilheteria, 30 minutos antes de cada visita, sendo o valor R$10 inteira ou R$5 meia. Para conferir a programação, acesse o site oficial (aqui)

Endereço: Praça Floriano, sem número, Centro.

14. CONFEITARIA COLOMBO: 

Já falei dela no post sobre meus Top 10 Restaurantes no Rio de Janeiro, e de verdade, acho a Colombo, um “must go” na cidade maravilhosa, porque só de entrar neste lugar mágico, é como se tivéssemos a oportunidade de voltar no tempo. Além de que, várias comidinhas gostosas estão disponíveis por lá. Para saber mais, acesse o site oficial (aqui).

Endereço: Rua Gonçalves Dias, 32, Centro.

15. REAL GABINETE PORTUGUÊS DE LEITURA:

Pensa em um lugar lindooooooo, agora quadruplica! Esse é o Real Gabinete Português de Leitura. Localizado na Rua Luís de Camões, 30, esta tradicional biblioteca e instituição cultural portuguesa, vale nosso tempo, nosso apreço, nosso amor. Um lugar que celebra a poesia, a prosa, a escrita, a origem da nossa complexa, difícil e admirável língua portuguesa. Aberto de segunda à sexta, das 09:00 às 18:00, fica bem no centro da cidade, perto de locais icônicos como a escadaria Seralon, e a própria Confeitaria Colombo. É uma homenagem à literatura, você pode sentar-se ali para ler algumas obras raras, e se deliciar com as palavras infetas, que a biblioteca do Real Gabinete Português, preserva.

Eu vou ficando por aqui, não falei das praias (vem post específico, em breve), nem da Lapa, nem dos bares do centro, como Fundição Progresso, Estudantina, Circo Voador, Rio Scenarium, que são verdadeiros tributos a autêntica noite carioca. Ficou de fora também a igreja da candelária, entre tantos outros lugares sensacionais, que em breve vamos compilando aqui para vocês. Meu amor pelo Rio é infinito, os encantos da cidade maravilhosa também! 

Curtam os passeios, deixem suas dicas e impressões nos comentários, e se gostaram das informações, lembrem-se do like esperto no coraçãozinho rosa, no fim deste post!

Bjo bjo bjo e fiquem com Deus!



VOCÊ PODERÁ GOSTAR…

TOP 10 RESTAURANTES NO RIO DE JANEIRO

20 de março de 2017

WhatsAppFacebookTwitterPinterestGoogle+Email

rio-de-janeiro

O Rio de Janeiro continua lindoooo! Aliás, está mais lindo do que nunca!!! E sim, é pretensioso da minha parte dizer que posso enumerar os TOP 10 RESTAURANTES no Rio de Janeiro… Porém, eu ouso dividir com vocês, minha humilde opinião de taurina (apaixonada por comida). Eu sempre tive verdadeira adoração pela “carioca’s way of life”, sim, o jeitão de ser do carioca. Desbocado, relax, atlético, bronzeado, e cheio de samba no pé. Não é a toa que as pessoas se apaixonam pelo Rio, e eu serei eternamente empolgada com essa cidade, que tem cadeira cativa em meu coração. Eu morei no rio em 2001, e passei os 7 anos após minha volta para Cuiabrasa, indo à cidade, pelo menos 1 vez por mês! Eu tive uma loja, de 2002 à 2009, e revendia exclusivamente marcas cariocas… Era como se eu tivesse trazido um pouco do Rio para a minha terrinha do calor.

Mas vamos aos pratos??? Sabores e amores gastronômicos que o Rio pode nos oferecer.

biscoito_globo

Nada mais carioca que comer biscoito Globo, tomando Mate na praia! Lambuzada de “rayto de Sol”, a carioca se diverte com o que a cidade tem para oferecer! Sorvete Mil Frutas, Esfiha do árabe, futvolei na praia, guaraviton para recompor a energia, um chopp com comida de boteco no Bracarense, bolinho de bacalhau do Manoel e Juaquim, samba de gafieira na Estudantina, e pizza de madrugada na Pizzaria Guanabara… Pronto! Feito isso, você já pode se sentir um pouco carioca. Hahaha! Então anote o roteiro, e depois me conte que lugares você mais gostou.

  1. APRAZÍVEL 

aprazivel-rio-de-janeiro cervejas-aprazivel-rj aprazivel-restaurante-rio

O restaurante Aprazível, localizado em Santa Teresa, é um destino clássico da gastronomia carioca. Não só pelo cardápio, rico em misturar sabores brasileiros e internacionais, como também pelo visual incrível do casarão antigo, das árvores frondosas, da belíssima vista da Baía de Guanabara, da música gostosa e do atendimento atencioso.

Cuidado: Prestem atenção na hora de ir e voltar, pois ali perto existe uma comunidade bem perigosa, pelo menos no ano de 2017, e já houve pelo menos uma morte de turista, que entrou na comunidade sem querer. Portanto ir de táxi, neste caso, pode ser a melhor pedida, pois o local onde o restaurante fica não é perigoso, mas seu entorno, infelizmente, é.

Endereço: Rua Aprazível, 62, Bairro Santa Teresa, Fone: (21) 2508-9174, Instagram @aprazivel. Preços: $$$$

2. MARIU’S DEGUSTARE:

Conheci o Mariu’s Degustare neste último carnaval, porque minha amiga Alessandra, queria muito ir a um lugar especializado em frutos do mar. Pesquisei na internet, perguntei ao concierge no nosso hotel, e o Mariu’s foi o primeiro nome da lista. Localizado ao lado da pedra do Leme, no início de Copacabana, a fachada do restaurante com bandeiras do mundo todo, sinalizava uma tendência de restaurante turístico. Muita gente tem medo de restaurante turístico, o que muitas vezes é justificável, porém como eu já disse outras vezes, fugir do que é turístico, pode bem ser uma grande roubada, pois muitos lugares tornam-se pontos de referência, em suas cidades, justamente por serem impecáveis. A supresa no Mariu’s Degustare foi bem essa: Lugar interessantíssimo, cheio de antiguidades na decoração, atendimento primoroso, uma excelente seleção de carnes e frutos do mar, com bufete de entradas, acompanhamentos e sobremesas. No dia em que fomos, o serviço era buffet + menu degustação (uma espécie de rodízio) muito bem servido, com sabor delicioso, e bastante variedade.

Valor: R$150 foi o que pagamos por pessoa, tenho plena consciência de que não foi barato, mas posso garantir que valeu cada centavo. A única coisa que eu achei exagerada, foi o valor da bebida, portanto vá preparado para comer muuuuito bem, e deixar para beber mais, em outros lugares.

Endereço: Av. Atlântica, 290, Copacabana, Fone: (21) 22750652, instagram: @mariusdegustare

3. TRAGGA:

Conheci o Tragga, através de um convite da minha amiga, super blogger capixaba, Nanda Portella, e de cara ameeeei! O restaurante é especializado em carnes com corte argentino, e eu sou amante da boa carne. Além disso, o ambiente é lindo (fomos ao Tragga de Botafogo), o atendimento excelente, os acompanhamentos deliciosos (risoto de grana padano, risoto malbec, batata frita artesanal, farofa de cebola caramelizada e banana…), e para fechar com chave de ouro, as sobremesas são um caso de amor. As carnes servem uma pessoa com bastante apetite, e se você for garfo leve, pode dividir uma carne e complementar, pedindo um acompanhamento extra. Eu comi o bife ancho e estava delicioso. Vale ficar atento ao instagram do Tragga, porque rolam promoções de rolha livre, e outras informações bacanas.

Valor: Os valores são razoáveis, com pratos que variam em média, de R$70 à R$100 (à época em que fomos, fevereiro de 2017).

Endereço: Rua Capitão Salomão, 74, Humaitá/Botafogo, Fone: (21) 3507-2235 ou Avenida das Américas, 8585, Vogue Square, Barra da Tijuca, instagram: @restaurantetragga.

4. GERO:

O restaurante Gero é um italiano incrível, da família Fasano, que possui 2 endereços no Rio de Janeiro, sendo um na Barra da Tijuca, e o outro em Ipanema. O ambiente é requintado, o atendimento faz jus ao preço, e o sabor é realmente primoroso. Eu conheci o Gero, através de um post da carioquíssima, Thereza Chamas, do Fashionismo. O Stinco de cordeiro é um dos pratos favoritos do marido da Thereza, e ela nunca deixa de pedir o suflê de queijo. Eu já caí de amores pelos Culigiones con ricotta e limone (foto acima). As sobremesas também são incríveis. Os cardápios dos restaurantes variam, então vale ligar antes, se seu intuito é degustar um prato específico.

Valor: O Gero costuma ter um menu de almoço chamado de mezzogiorno, que oferece entrada + prato principal + sobremesa por R$98, e no jantar, os pratos variam na média de R$89 à R$198. Portanto, é um restaurante mais requintado, de valor elevado.

Endereços: Rua Anibal de Mendonça, 157, Ipanema, Fone: (21) 2239-8158, ou o Gero Trattoria Barra, que fica na Avenida Érico Veríssimo, 190, Fone: (21) 3523-5700. Instagram: @fasano. 

5. PIZZARIA CAPRICCIOSA:

Minha paixão pela Capricciosa, vem do tempo que eu morava no Rio, em 2001, e nunca mais acabou! Deve ser porque eu amo “la vera pizza italiana”, com uma massa artesanal incrível, e aquele recheio dos deuses. A Capricciosa nasceu em Búzios em 1998, chegando ao Rio no ano seguinte, 1999. A primeira loja carioca, foi inaugurada em Ipanema, e trouxe para a cidade, o conceito DOC – Denominação de Origem Controlada, que se trata de um selo italiano de classificação de excelência, nos produtos utilizados e na forma de fazer a pizza. A melhor farinha, os melhores ingredientes, e a exposição rápida ao forno à lenha, com temperatura sempre acima dos 400 graus, garantem a qualidade da pizza, da Capricciosa, que hoje também é encontrada em Copacabana, e no Jardim Botânico.  Além dos mais de 40 sabores, das deliciosas burratas, e saladas, a pizzaria ainda tem massas incríveis em seu cardápio. As pizzas são servidas em 2 tamanhos: 30 ou 35 cm de diâmetro, e são de comer rezando!

Valor: O preço é bem razoável, variando de R$69 à R$89, em média.

Endereços: Rua Vinícius de Morais, 134, Ipanema, Fone: (21) 2523-3394, Rua Maria Angélica, 37, Jardim Botânico, Fone: (21) 2527-2656, ou Rua constante Ramos, sem número, Copacabana, Fone: (21) 2255-2598. Instagram: @capricciosapizzadoc. 

 6. BALADA MIX: 

Esse restaurante, que tem fama de “natureba”, mas na verdade contempla muito mais do que se imagina, é um dos meus favoritos no Rio! Ele começou como casa de sucos em 2002, mas já chegou revolucionando o mercado, com zilhões de opções de sucos e acompanhamentos. O cardápio hoje é super diversificado, indo do açaí (sem corantes), passando pelo creme de pitaya, pelos grelhados, pela salada, comida japonesa, pizza DOC (selo italiano, como o da Caprichosa, que expliquei acima), indo parar no hambúrguer! Tudo feito com o compromisso de qualidade nos insumos, e ingredientes. Já existem 28 franquias do Balada Mix, Brasil afora, e eu bem que ficaria feliz, se abrisse uma em Cuiabrasa. Os pratos são realmente deliciosos, e agora, algumas unidades tem buffet de café da manhã… Quem me acompanha há tempos, sabe que sou amante do café da manhã.

Preço: Os preços são ótimos, acessíveis e democráticos.

Endereços: Tem Balada Mix por toda parte no Rio: Shopping Leblon, Shopping da Gávea, Shopping Downtown, Shopping New York, Shopping Rio Design, Shopping Nova América, em Ipanema, existe uma unidade na Farme de Amoedo, outra na Anibal de Mendonça, no Arpoador, Copacabana, Leblon, Botafogo, Laranjeiras, ou seja, para saber onde encontrar o Balada Mix mais próximo, clique (aqui).

7. LA MOLE: 

Custo x benefício definem o La Mole! Um restaurante ítalo-carioca, inaugurado em 1958, e que faz parte da vida no Rio de Janeiro. Eu sou apaixonada pelo medalhão de filé ao molho madeira com arroz à piemontesa, que custa menos de R$60, e tem sempre aquele sabor de refeição em família, no Rio. Quando eu morei na cidade maravilhosa, o La Mole era sempre destino frequente, e também uma ótima opção de delivery, por não cobrar taxa de entrega, e a comida chegar sempre quentinha. A primeira unidade, nasceu no Leblon, na Dias Ferreira, onde existe até hoje. Atualmente, você encontra o La Mole por toda parte, e o restaurante continua no coração gastronômico da cidade. Peça o couvert, que tem um valor fixo, e serve bem até 3 pessoas, porque ele bem gostoso. Os pratos individuais são bem servido, mas realmente são para uma pessoa. As sobremesas também são muito gostosas.

Valor: Ele tem um valor bem honesto, não assusta o bolso, e satisfaz super bem.

Endereços: Shopping Rio Sul, na Rua Dias da Rocha, 31, loja B, Copacabana, Rua Joana Angélica, 159, Ipanema, Rua Dias Ferreira, 147, Lojas C e D, Leblon, Avenida Armando Lombardi, 175, Barra de Tijuca, e outros endereços, que você encontra no site oficial do La Mole.

8. GULA GULA: 

Mais carioca que o Gula Gula, impossível!!! Esse restaurante é meu queridinho no Rio! Não só meu, mas de muuuuuita gente. Com endereços espalhados por toda a cidade, o forte da casa são as saladas, os grelhados (acompanhados de manteiga de ervas, que eu amo, ou molhos espertos), e as sobremesas, que são simplesmente, arrebatadoras. A torta mousse de chocolate, com sorvete de creme, é simplesmente de outro planeta. Além do cardápio variado, do prato do dia, do menu kids, e das novidades, que sempre chegam no “experimente”, o Gula Gula tem um preço que cabe no bolso. Eu sou fã, e sempre que vou ao Rio, dou um jeito de comer essas gostosuras, que fazem parte do paladar carioca, desde 1984.

Valor: Os pratos variam entre R$27 e R$70 em média, tendo muitos partos bacanas por menos de R$50.

Endereços: Shopping Rio Design Barra, Shopping Rio Design Leblon, Shopping Rio Sul, Av. General San Martin, 1196, Leblon, Rua Marquês de São Vicente, 52, Shopping da Gávea, av. Alexandre Ferreira, 220, Jardim Botânico, Fashion Mall em São Conrado, Barra Shopping…

9. TT BURGER: 

O matador da fome, como os proprietários do TT Burger o chamam, nasceu em 2013, e veio da união de 2 heranças genéticas de responsa: Thomas Troisgros, chef (filho do chef Claude Troisgros), e Rony Meisler (herdeiro do Grupo Reserva), que uniram DNA, expertise, e vontade de inovar, criando uma hamburgueria brasileira, com diferenciais, que só encontramos por aqui. Hoje eles vendem uma média de 20.000 hambúrgueres por mês, e os lanches são compostos de ingredientes 100% nacionais. Destacando aí o ketchup de goiabada, o pão de batata doce, ou o pão de pimenta, além da carne do hambúrguer, que nasceu de uma receita secreta da família Troisgros, que contem acém, fraldinha, e contra-filé. Outro carro chefe do TT Burguer é o “sacode”, nome dado ao milk shake da casa, que está disponível nas versões: nutella, e doce de leite com flor de sal, além dos sabores em parceria com o tradicional Bar do Oswaldo: Açaí, coco e maracujá.

Valor: O sanduíche, custa cerca de R$39, as batatas, cerca de R$7, o sacode custa em média R$18.

Endereços: Av. Ataulfo de Paiva, 1240, Leblon, Fone: (21) 96458-8678, Rua Francisco Otaviano, 67, Arpoador, Fone: (21) 96458-8674, Rua Nelson Mandela, 100, Loja 125, Botafogo, Fone: (21) 96458-8681, e a primeira unidade, que nasceu na Barrra da Tijuca, Av. Olegário Maciel, 460, loja D, Fone: (21) 96458-8675. Instagram: @t.t.burger

10. CONFEITARIA COLOMBO: 

 A Confeitaria Colombo não é bem um restaurante, pensando superficialmente, mas levando em consideração que no salão do primeiro piso (na verdade mezanino, como eles chamam por lá), funciona o restaurante Cabral, com um vasto cardápio a la carte, e no segundo piso, funciona o restaurante Cristovão, com buffet de segunda à sexta, das 11:30 às 16:00. Temos a certeza de que a Colombo se encaixa perfeitamente na categoria: complexo de restaurantes cariocas. A arquitetura é um sonho, o edifício é patrimônio cultural do Rio de Janeiro, fundado desde 1894, já foi palco de grandes encontros da cena carioca. Eu já tive o prazer de almoçar no segundo andar, com um atendimento todo pomposo, que nos transportou ao século passado. Além da prataria do buffet, o vasto cardápio, é de “lamber os beiços”, dizendo de forma bem direta, o que a taurina aqui, sentiu. O Bar jardim, que fica no térreo do edifício, é perfeito para fazer um lanche incrível, e entrar de vez no túnel do tempo. Opções não faltam, neste passeio que é obrigatório, em terras cariocas.

Valor: De R$5 à R$150, tudo é possível, depende do ambiente que você escolher, e tipo de refeição.

Endereços: A Confeitaria Colombo oficial, com todos os seus ambientes, e diferentes restaurantes, está localizada no Centro do Rio de Janeiro, na Rua Gonçalves Dias, 32. Existe em Copabana, o Café Colombo, que fica no Forte de Copacabana, e que vale pela vista maravilhosa da praia, lugar ideal para um café da manhã, ou lanche no fim da tarde.

Ufaaaaa, galerinha do bem, eu vou ficando por aqui, deixando avisado que não falei de nenhum boteco de propósito, pois eles terão um post só para eles. Faltaram também, os badalados restaurantes da moda, na cena gastronômica atual, que também terão um post especial, incluindo aí os restaurantes japoneses, que eu tanto amo, e acabaram não sendo citados no post. De 1 a 10, tente em cada ida ao Rio, experimentar os indicados neste post, tenho certeza que vocês irão curtir cada um, na sua particularidade.

Se gostaram do post, por favor, deixem o “like” de vocês, no coração aí do lado direito!

Bjo bjo bjo!!!



VOCÊ PODERÁ GOSTAR…

ROCK IN RIO 2017: GARANTA SEUS INGRESSOS

20 de março de 2017

WhatsAppFacebookTwitterPinterestGoogle+Email

Rock in rio 2017 eu vou! Sempre quis dizer essa frase de novo, porque embora eu já tenha ido ao Rock in Rio, no ano 2000, permanecia aquela vontade de viver novamente este sonho.  Assim que a CVC começou a divulgar os pacotes, eu pireeeei! Primeiro porque eles parcelam em até 10 vezes, segundo porque a gente sai daquele leilão agonizante de tentar comprar os ingressos no site oficial, que sempre esgota em tempo recorde. Outro grande motivo da minha alegria pela pré-venda da CVC, é o traslado hotel-cidade do rock-hotel, porque é mais seguro ir para o evento com assistência, além de ter a equipe de apoio dentro da cidade do Rock.

A venda de ingressos aberta ao público, só acontece no dia 06 de abril, às 19:00, portanto se você for se aventurar na tentativa, esteja com o computador ligado, em uma internet potente, na data marcada, pelo menos 10 minutos antes do horário anunciado, porque os ingressos costumam acabar em tempo recorde. Para quem tem conta no Itaú, a pré-venda de ingressos já começou. E se você não for do Rio de janeiro, quiser garantir seu ingresso + hotel + traslados, ou ingresso + hotel + aéreo + traslados (eu comprei esse), já pode ir até a CVC mais próxima. Eu comprei na @cvc_vg onde eu amo o atendimento, e as meninas já tem meus dados cadastrais na agenda, fechando tudo rapidinho, do jeito que eu gosto.

Essas são as atrações confirmadas para o palco mundo, e eu já garanti meus ingressos para os dias 22 e 23/09! Estou muuuuito feliz com essa conquista, porque para quem ama o Rock, fazer parte desta grande festa, é com certeza a realização de um sonho.

Para vocês terem uma noção de preços, o pacote de hotel + ingresso, pela CVC, está à partir de R$798 por pessoa, em apartamento duplo, que pode ser parcelado em até 10x. O meu pacote, para duas pessoas (vamos eu e minha filhota), com aéreo saindo de Cuiabá, ficando em hotel 4 estrelas, mais ingressos, traslados e seguro, por 3 noites, indo em 2 shows, ficou R$2.667,09 (por pessoa) parcelado em 10x de R$266,70.

A nova cidade do Rock, será no parque olímpico na Barra da Tijuca, com o dobro do tamanho da anterior, e com a promessa de mais mobilidade, espaço, limpeza e integração. Estou bem empolgada com a estrutura. O Rock in Rio completa 31 anos, com 17 edições, e conforme o tempo passa, a estrutura sempre melhora. Uh huuuu!

Obs Importante: Menores de 5 anos só podem permanecer na cidade do Rock até as 22h, menores de 16 anos, sempre acompanhados de um responsável legal, com parentesco até 4º grau, munido de documentos, e autorização, que em breve estará disponível no site oficial do Rock in Rio.

Bem meus amores, espero que o post tenha ilustrado bem as informações mais importantes, e empolgado vocês a participarem deste sonho.

Eu encontrei uma CVC para chamar de minha, pois a Gelza, proprietária da loja da Av. Couto Magalhães,911, Várzea-Grande, é super viajada, sempre tem as melhores dicas, e atende por whatsapp, pessoas do Brasil todo! É só chamar (65) 99235-0410, 99285-7584, 99235-3601, ou 99229-5966.

Espero que tenham curtido as dicas!!! Quem já foi ao Rock in Rio, contribua, por favor, comentando dicas essenciais, e lembrem-se de me dar o “like”, clicando no coração do lado direito, aqui no final do post. Porque, saber se você gostou, é muuuito importante para mim!

Bjo bjo bjo!



VOCÊ PODERÁ GOSTAR…

INSTAGRAM

@MAYSALEAO